Marc Márquez nega relação de amizade com Valentino Rossi: "Somos rivais"

Theo Certain - São Paulo,SP

02-04-2019 14:43:18

Um revolucionou o cenário do motociclismo mundial no início do milênio, dominando a Moto GP por durante quase uma década. O outro, por sua vez, é o melhor da atualidade e soberano na década atual. Ao todo, são onze títulos mundiais para os dois, que, em 2019, voltarão a disputar o caneco. A relação entre o hexacampeão Valentino Rossi, de 40 anos de idade, e do penta Marc Márquez, de 26, não poderia ser outra senão de extrema rivalidade.

Em coletiva de imprensa concedida nesta terça-feira, em evento realizado na cidade de São Paulo, o mais novo deles falou sobre o assunto e admitiu que, enquanto adversários, dificilmente serão amigos.

“Passou o que passou, venho aprendendo que, com um rival, com quem você disputa um campeonato, é muito difícil manter uma relação de amizade. Em uma relação de amizade, você compartilha tudo. A um rival, você não compartilha nada. Mas sempre tive uma relação de muito respeito com ele, para além do que acontece na pista", afirmou.


No último final de semana, inclusive, o espanhol terminou o GP da Argentina na primeira colocação, à frente do próprio italiano, que nem por isso deixou de cumprimentá-lo após a bandeirada final.

"Somos suficientemente capazes de pensar, de refletir, e, na Argentina, apertamos nossas mãos e nos desejamos o melhor para a temporada. Dentro da pista, a relação é de rivalidade. Fora dela, a relação é profissional”, completou.

Márquez e Rossi voltarão a medir forças no dia 14 de abril, quando estarão em Austin, no Texas, para o Grande Prêmio dos Estados Unidos de Moto GP. Será a terceira etapa da temporada atual, que, em caso de título, pode colocar o espanhol no mesmo degrau do italiano em número de troféus.

Deixe seu comentário