Mais Esportes/Motor

“Nós vencemos”, diz chefe da Ferrari sobre Vettel

São Paulo , SP
10/06/2019 10:30:32

Em: Fórmula 1, Motor, Notícias

Um piloto cruza a linha de chegada, mas outro é declarado campeão: foi assim o GP do Canadá, no último domingo, quando Sebastian Vettel, da Ferrari, foi punido em cinco segundos e acabou ficando em segundo lugar, com Hamilton em primeiro. Para o chefe da Ferrari Mattia Binotto, porém, a vitória foi de sua escuderia.

“Hoje vencemos. Acredito sinceramente que fomos os mais rápidos em pista e isso é importante. Em primeiro lugar, não nos cabe decidir (as penalizações), mas se olharmos para a multidão, todos pareciam ter a mesma opinião”, disse Binotto após a corrida ao italiano Sky Sports.

Na corrida, Vettel largou bem, mas viu Hamilton voltar mais rápido à pista após parada nos boxes. Ele, então, tentou de tudo para conseguir suportar a pressão, no entanto, um erro na curva 4 o deixou mais distante da conquista. Ele recebeu uma penalidade de cinco segundos após perder o controle de sua Ferrari e deixar a pista, voltando à frente de Hamilton na linha de corrida, obrigando-o a desviar para evitar uma colisão.

“Ele esteve na frente a corrida toda até a bandeira de xadrez e para nós ele é o vencedor. Eu não acho que ele (Vettel), teve qualquer intenção ruim em tudo. Como equipe, temos sido competitivos e estamos a lutar para vencer corridas, e isto trará ainda mais motivação. A temporada ainda não acabou”, finalizou.

Classificação dos cinco primeiros no GP do Canadá:

1º Lewis Hamilton (GBR/Mercedes)*
2º Sebastian Vettel (ALE/Ferrari)*
3º Charles Leclerc (MON/Ferrari)
4º Valtteri Bottas (FIN/Mercedes)
5º Max Verstappen (HOL/Red Bull)