Dovizioso explica estratégia com mudança de ritmo para vencer GP tcheco

São Paulo, SP

05-08-2018 19:05:45

Depois de levar a melhor no GP da República Tcheca, neste domingo, Andrea Dovizioso explicou que seu ritmo "estranho", na dianteira da corrida, foi uma tentativa de "perturbar" os pilotos que estavam atrás dele. Para isso, o italiano variou sua velocidade nas voltas inicias, quando trabalhava para preservar seus pneus.

“No começo, eu estava tentando fazer algo estranho, porque o grupo principal era grande. É sempre melhor ter menos pilotos quando você começa a brigar [pela vitória], especialmente quando você tem que controlar o pneu", explicou o piloto. “Mas não funcionou, porque o grupo ficou com seis motos até cinco voltas até o final”.

"Eu decido a estratégia volta a volta", explicou ele, segundo o Motorsport. “Eu estava tentando entender o [principal] concorrente, Valentino Rossi, nas primeiras voltas da corrida. No final, eu estava esperando por Marc, porque ouvia seu motor em cada ponto de frenagem e toda vez que ele abria o acelerador", destacou.

Em sua primeira vitória desde a abertura da temporada, no Catar, o italiano foi surpreendido. “No final, o Jorge veio com uma velocidade muito boa e começamos a lutar. Não foi fácil nas últimas cinco voltas”.

Andrea ainda ressaltou que, depois de vencer seis corridas no último ano, o pressão se torna maior. "Todo mundo espera que você vença, por isso estão dizendo que estamos vivendo um momento ruim", enfatizou, defendendo que, apesar dos erros na temporada, a equipe tem evoluído. "Estamos trabalhando isso, mas estou feliz", finalizou.

Deixe seu comentário