Brasileiro Di Grassi vence na Malásia e assume liderança da FE

São Paulo, SP

07-11-2015 11:05:34

O brasileiro Lucas di Grassi vem se consolidando como um dos grandes nomes da Fórmula E. Na madrugada deste sábado, o piloto da Audi ABT venceu a segunda etapa da temporada 2015/2016 do Mundial de carros elétricos, realizada no circuito urbano de Putrajaya, na Malásia, e pulou para a liderança do campeonato, com oito pontos de vantagem sobre o suíço Sébastien Buemi, atual vice-campeão da categoria.

Sexto no grid, Di Grassi começou largou bem e ganhou uma posição após ultrapassagem. Na sequência, o brasileiro se beneficiou de um problema de software que aconteceu com a Renault e.Dams de Buemi, que saiu na pole e liderava com folga até a 15ª volta, antes da parada.

Aí Di Grassi passou o francês Loic Duval nos boxes, fez ultrapassagem no português António Félix da Costa e em seguida perseguiu Nicolas Prost - sim, filho de Alain -, que precisou economizar bateria, já que havia parado mais cedo, assumindo a liderança a 10 voltas para o fim. Depois, foi só acelerar e administrar o tempo para cruzar a linha de chegada em primeiro.

A corrida foi marcada pelos diversos problemas com os carros, que perdiam potência para depois funcionar novamente. Buemi era o quinto nas últimas voltas, mas sentiu seu carro perder força e caiu para 12º, enquanto Duval e Jérôme d’Ambrosio bateram no muro quando figuravam na segunda posição, sendo que o belga perdeu a vice-liderança na derradeira volta, herdada por Sam Bird, seguido por Robin Frijns e Stéphane Sarrazin.

Bruno Senna teve uma corrida de altos e baixos e terminou no quinto lugar. Três postos à frente do atual campeão, Nelsinho Piquet, que também teve de fazer uma prova de recuperação.

Abaixo, veja como ficou a classificação do ePrix da Malásia:

1: Lucas di Grassi (BRA/ Audi ABT) – 50m17s449
2: Sam Bird (ING/ Virgin) - +13s884
3: Robin Frijns (HOL/ Amlin Andretti) - +29s776
4: Stéphane Sarrazin (FRA/ Venturi) - +32s628
5: Bruno Senna (BRA/ Mahindra) - +34s404
6: António Félix da Costa (POR/ Aguri) - +36s925
7: Daniel ABT (ALE/ Audi ABT) - +37s283
8: Nelsinho Piquet (BRA/ China) - +40s623
9: Nick Heidfeld (ALE/ Mahindra) - +52s904
10: Nicolas Prost (FRA/ e.Dams) - +53s695
11: Jacques Villeneuve (CAN/ Venturi) - +58s698
12: Sébastien Buemi (SUI/ e.Dams) – +1min07s728
13: Simona De Silvestro (SUI/ Amlin Andretti) - +1min24s464
14: Jérôme D’Ambrosio (BEL/ Dragon) - +1 volta
15: Nathanael Berthon (FRA/ Aguri) - +1 volta
16: Loic Duval (FRA/ Dragon) - +4 voltas
17: Olivier Turvey (ING/ China) - +29 voltas
18: Jean-Éric Vergne (FRA/ Virgin) - +33 voltas

 

 

 

 

Deixe seu comentário