Gazeta Esportiva

Para Natália, jogo contra Quênia ajudou a Seleção a recuperar confiança

São Paulo, SP

03/10/18 | 13:58 - 03/10/18 | 14:28

O resultado manteve o time verde e amarelo em segundo lugar no grupo D (Foto: FIVB)

Depois de garantir espaço na segunda fase do Campeonato Mundial de vôlei e vencer o Quênia, a Seleção Brasileira feminina se prepara para o próximo desafio, contra o Cazaquistão, às 7h20 (horário de Brasília) desta quinta-feira. A penúltima partida da primeira etapa da disputa, nesta quarta, no Japão, foi marcada pela participação de Natália nos dois sets inteiros, depois de quase oito meses.

A jogadora também terminou o dia como maior pontuadora. Foram seis pontos de ataque, quatro de saque e dois de bloqueio. “Essa partida foi um jogo bom para recuperarmos a nossa confiança”, destacou Natália.

“Melhoramos alguns pontos como a relação entre o bloqueio e a defesa, além do saque e a nossa agressividade. Foi um jogo bom e os três pontos são importantes para a nossa sequência no Mundial”, analisou a camisa 12 do Brasil. “Estou feliz de estar de volta também. Foi meu primeiro jogo quase inteiro depois de oito meses sem jogar e espero que possa ajudar mais o time na segunda fase”, disse.

Técnico da equipe nacional, Zé Roberto também destacou que gostou do comportamento de Natália em quadra. “Sabemos que ela está voltando, mas o ritmo que ela tem demostrado nos treinos e a forma que ela tem encarado esse desafio têm sido muito positivos”, ressaltou. “Ver a Natália de volta, atacando, bloqueando e defendendo é um motivo de muita felicidade para todos nós”.

Deixe seu comentário