Mais Esportes/Tênis

Pliskova comemora maior virada na carreira depois de vencer Serena

São Paulo , SP
23/01/2019 14:16:11

Em: Mais Esportes, Notícias, Tênis
Pliskova reagiu no último set para vencer (Foto: Jewel SAMAD/AFP)

Karolina Pliskova surpreendeu e passou por Serena Williams nas quartas de final do Australian Open em uma virada improvável e que contou com uma ajudinha da torção no tornozelo que a americana sofreu quando sacava para vencer a partida e tinha 5/1 a seu favor. Após o incidente, foram sete games seguidos vencidos por Pliskova, que comemorou a maior virada da vida após alcanças a semi.

“Normalmente, eu consigo muitas viradas, mas costumam ser de um set abaixo ou com um set e mais uma quebra abaixo, nada muito além disso. Acho que esta é a maior virada na minha vida até agora. Sei que ela é a maior de todos os tempos, mas ainda é apenas uma jogadora. Eu não queria colocá-la em uma posição onde eu não teria chance de vencê-la. Já havia ganhado dela uma vez, ela era a número 1 do mundo, e eu sabia que teria minhas chances se eu jogasse bem”, disse a tcheca.

Ao analisar o jogo, Pliskova criticou parte da sua exibição. “De repente, eu saí do jogo de alguma forma. Eu já não estava jogando o mesmo jogo que vinha funcionando até eu ter um set e uma quebra de vantagem. Eu vinha pressionando e estava mais agressiva, mas parei um pouco. Obviamente, ela aproveitou a chance. Foi o que aconteceu. Ela começou a encaixar mais os saques, arriscou mais nas devoluções e estava colocando pressão sobre mim. Eu era mais passiva”, contou.

Sobre a virada, ela falou de ter aproveitado a oportunidade que acontece pouco. “Então, de repente, tive uma chance também. É assim no tênis. Você precisa de sorte, porque acho que isso não acontece com frequência, talvez uma vez na vida. Quando chegamos aos 5/2 eu pensei: ‘Ok, vou tentar confirmar o saque e ver o que acontece’. Muitas coisas aconteceram nos últimos games, não sei o que passou pela cabeça dela, eu apenas vi uma chance e aproveitei”, finalizou.