Nadal estreia com vitória tranquila na busca por seu 14º título de Roland Garros

AFP - São Paulo,SP

01-06-2021 17:55:53

Rafael Nadal iniciou nesta terça-feira a campanha pela conquista do que seria seu 14º título de Roland Garros. O espanhol estreou com uma vitória sobre Alexei Popyrin (63º), em dois sets, parciais de 6-3, 6-2 e 7/6 (7/3), sem precisar forçar muito.

Depois de dois primeiros sets tranquilos, Nadal pareceu relaxar no terceiro, dando a Popyrin a oportunidade de conseguir o “break” e prorrogar a disputa.

Ganhar um set do “Rei” de Roland Garros já teria sido uma façanha para o jovem Popyrin, já que desde 2016 apenas três jogadores conseguiram vencer um set contra o espanhol (Diego Schwartzman, David Goffin e Dominic Thiem).

Mas com 5-3 a favor e dois set points, o jovem australiano sentiu a pressão e, embora tenha aproveitado o desfecho daquele set para levar ao tie-break, Nadal não perdeu a oportunidade de fechar a partida.

“No terceiro set cometi um erro com meu saque. Ele sacou muito bem, sem me dar a oportunidade de fazer o ‘break’, mas no final consegui e depois joguei bem o tie-break”, explicou Nadal em uma coletiva de imprensa.

“Foi muito difícil jogar contra um tenista muito bom como Alexei”, admitiu minutos antes, ainda no saibro da Philippe-Chatrier, a quadra central onde conquistou suas treze Taças dos Mosqueteiros.

“Para mim, é sempre único e especial jogar aqui”, disse o espanhol, que está em busca de seu 21º título de Grand Slam em Paris para desempatar com Roger Federer e se tornar o tenista com mais “majors” da história.

O australiano Alexei Popyrin na partida desta terça-feira. (Foto: Christophe Archambault/AFP)

31 vitórias consecutivas em Paris

A vitória de Nadal sobre Popyrin também é sua 31ª consecutiva neste torneio. Trata-se de uma sequência que remonta a 2015, quando sofreu uma derrota nas quartas de final para Novak Djokovic.

O maiorquino aumenta seu recorde para 101 vitórias e apenas duas derrotas em Roland Garros.

Mas, ao contrário das temporadas anteriores, em que Nadal chegou a Paris depois de perder em torneios no saibro, desta vez o espanhol encara o tradicional Roland Garros após sair derrotado para o russo Andrey Rublev, em Monte Carlo, e para o alemão Alexander Zverev, na final em Madri.

Contudo, os sinais que deixou em seu último torneio disputado, há duas semanas em Roma, ao vencer a final contra o número 1 Djokovic, foram confirmados nesta terça-feira. Assim, Nadal parece pronto para lutar por mais um título em Paris.

Seu adversário na segunda fase será o francês Richard Gasquet (53º), um velho conhecido a quem sempre venceu nos 16 jogos anteriores.

“Nós nos conhecemos muito bem desde que jogamos pela primeira vez quando tínhamos 12 anos e é importante para nós dois nos enfrentarmos novamente depois de tantos anos e em um lugar como este”, disse Nadal, que fará 35 anos na quarta-feira, a mesma idade que Gasquet terá quinze dias depois.

O russo Andrey Rublev, sétimo do ranking mundial e finalista em Monte Carlo após eliminar o próprio Rafael Nadal, foi eliminado na primeira rodada pelo alemão Jan-Lennard Struff (42º) em jogo de 5 sets: 6-3, 7-6 (8/6), 4-6, 3-6 e 6-4.

O tenista espanhol Rafael Nadal, que venceu Roland Garros 13 vezes. (Foto: Christophe Archambault/AFP)

Resultados da 3ª jornada do torneio de Roland Garros nesta terça-feira

Simples masculino (primeira fase):

Pablo Cuevas (URU) x Lucas Pouille (FRA) 6-3, 6-1, 6-3

James Duckworth (AUS) x Salvatore Caruso (ITA) 6-4, 3-6, 7-6 (7/4), 6-2

Ricardas Berankis (LTU) x Ugo Humbert (FRA/cabeça de chave N.29) 6-4, 6-4, 2-6, 6-4

Alex De Minaur (AUS/N.21) x Stefano Travaglia (ITA) 6-2, 6-4, 7-6 (7/4)

Marco Cecchinato (ITA) x Yasutaka Uchiyama (JPN) 3-6, 6-1, 6-2, 6-4

Matteo Berrettini (ITA/N.9) x Taro Daniel (JPN) 6-0, 6-4, 4-6, 6-4

Federico Coria (ARG) x Feliciano Lopez (ESP) 6-3, 7-6 (7/4), 6-2

Andreas Seppi (ITA) x Félix Auger-Aliassime (CAN/N.20) 6-3, 7-6 (10/8), 4-6, 6-4

Rafael Nadal (ESP/N.3) x Alexei Popyrin (AUS) 6-3, 6-2, 7-6 (7/3)

Richard Gasquet (FRA) x Hugo Gaston (FRA) 6-1, 6-4, 6-2

Mikael Ymer (SUE) x Roberto Carballés Baena (ESP) 6-4, 0-6, 4-6, 6-2, 6-2

Gael Monfils (FRA/N.14) x Albert Ramos (ESP) 1-6, 7-6 (8/6), 6-4, 6-4

Diego Schwartzman (ARG/N.10) x Yen-Hsun Lu (TPE) 6-2, 6-2, 6-3

Aljaz Bedene (SLO) x Adrian Mannarino (FRA) 7-5, 3-6, 7-5, 6-2

Philipp Kohlschreiber (ALE) x Fernando Verdasco (ESP) 7-6 (7/3), 6-2, 2-6, 6-4

Aslan Karatsev (RUS/N.24) x Jenson Brooksby (EUA) 6-3, 6-4, 6-4

Facundo Bagnis (ARG) x Benjamin Bonzi (FRA) 7-5, 6-3, 6-4

Jan-Lennard Struff (ALE) x Andrey Rublev (RUS/N.7) 6-3, 7-6 (8/6), 4-6, 3-6, 6-4

Deixe seu comentário