Mineirinho bate local em repescagem e vai à terceira fase em Peniche

São Paulo, SP

24-10-2015 09:33:53

Vice-líder do Mundial de surfe 2015 (WCT), o brasileiro Adriano de Souza, o Mineirinho, segue vivo na disputa da décima e penúltima etapa da temporada, em Peniche, Portugal. Na manhã deste sábado, o surfista do Guarujá salvou sua pele no torneio ao vencer o local Tiago Pires, por 12.43 a 6.17, na primeira bateria da repescagem (segunda fase).

Mesmo em um mar fraco, Mineirinho conseguiu um 6.00 logo em sua primeira onda, enquanto o adversário sofria com notas baixas. Na sexta tentativa, o guarujaense arrancou um 6.43 dos juízes e sacramentou a vitória, porque Pires tirou 3.40 e 2.77 em suas derradeiras cartadas.

Com o resultado, ele se classificou para o terceiro round, que não deve acontecer tão cedo a devido às más condições climáticas previstas para o restante do final de semana. A previsão aponta que o mar provavelmente perderá força e tamanho para este domingo.

Voltando à competição, outros dois membros da Brazilian Storm se deram bem na repescagem: Caio Ibelli e Ítalo Ferreira. O primeiro foi a surpresa do dia ao eliminar o terceiro colocado do Mundial, Owen Wright, em uma bateria acirrada, por 13.33 a 12.37.

Outro candidato ao título que se despediu foi o também australiano Julian Wilson, quarto colocado, que caiu diante do havaiano Mason Ho, por 13.93 a 13.06. Com isso, os brasileiros Gabriel Medina e Filipe Toledo, quinto e sexto, respectivamente e já garantidos na terceira fase em Peniche, têm grandes chances de ultrapassar os australianos no ranking mundial.

Já Ítalo venceu o duelo nacional com Tomas Hermes, por 11.50 a 9.74, antes de ver o francês Jeremy Flores bater o espanhol Aritz Aranburu, por 12.76 a 12.00, e polemizar ao dizer que surfou “como uma garota”.

Wiggolly Dantas, por sua vez, já pode fazer suas malas e deixar Portugal. Isso porque ele perdeu para o neozelandês Ricardo Christie, por 10.73 a 8.70, e foi eliminado do evento.

Restando quatro baterias para o término da repescagem, a Liga Mundial de Surfe (WSL) decidiu cancelar as competições deste sábado devido ao mar, que perdeu força no decorrer do dia. Uma nova chamada foi programada para este domingo, às 5 horas (de Brasília). Os brasileiros Jadson André e Miguel Pupo estão na disputa.

Deixe seu comentário