Campeão em 2017, Marc Márquez admite ter subestimado Dovizioso

São Paulo, SP

16-11-2017 11:01:09

Campeão da Moto GP em 2017, o piloto Marc Márquez afirmou que não considerava Andrea Dovizioso como um dos concorrentes ao campeonato. No entanto, o italiano fez uma de suas melhores temporadas e aos poucos se mostrou um rival direto ao quarto título da carreira do piloto espanhol.

"Este ano, quando as pessoas me perguntavam quais rivais eu achava mais perigosos, eu sempre dizia Maverick (Viñales), Dani (Pedrosa), Valentino (Rossi) e talvez (Jorge) Lorenzo, mas nunca disse Dovi", começou Márquez durante entrevista concedida à imprensa internacional.

"É algo que aprendi este ano: você precisa ter cuidado com todos e tentar prestar atenção em todos. No início da temporada, parecia que Maverick era o mais rápido. Mas no final, o mais constante, o cara mais completo para lutar pelo título, era Dovi. E foi muito bom lutar com ele.", ressaltou o campeão da temporada da Moto GP. O espanhol chegou a 298 pontos, 37 pontos a mais que o adversário direto.

"Ele é um amigo no paddock. Mas quando você está na pista, você não tem amigos. Sempre tentamos ter esse respeito, mas estamos andando no limite, tocando carenagens, cotovelo com cotovelo, tentando dar 100%.”, afirmou Márquez.

O piloto espanhol também aproveitou para ressaltar que a campanha feita por Dovizioso foi de alguém que buscou o título até o fim. "Tivemos algumas boas batalhas, e ele ganhou todas as batalhas. Se você for ver, na Áustria e na Japão ele me bateu. Mas eram circuitos onde eu estava lutando e cheguei ao fim com ele, que merece estar no meu lugar (como campeão), porque ele fez uma temporada incrível."

Deixe seu comentário