Basquete/Copa Super 8

Paulistano leva a melhor contra o Mogi e avança na Copa Super 8

São Paulo , SP
20/12/2018 22:31:21 — 20/12/2018 22:34:25

Em: Basquete, Mais Esportes, NBB - Novo Basquete Brasil, Notícias

Abrindo as disputas da Copa Super 8, Mogi e Paulistano reeditaram a final do último NBB e duelaram nesta quinta-feira com vitória do Paulistano por 77 a 75, que avançou às semifinais do torneio que leva seu campeão à Liga das Américas. A Copa Super 8, que reúne os oito melhores times do NBB no primeiro turno da competição, é eliminatória e já leva os times para disputas de quartas de finais nos primeiros duelos.

Apesar de ficar boa parte do jogo na frente, o Mogi deixou escapar a liderança no placar no momento decisivo e teve que suar para pressionar o Paulistano no final. Mesmo buscando uma reação, o time da casa ficou no quase e viu o Paulistano avançar à semifinal.

O Paulistano venceu o Mogi, repetindo o resultado da final do NBB (Foto: Divulgação/NBB)

O primeiro quarto foi de um Paulistano pecando muito enquanto os donos da casa rodavam bem a bola, em velocidade e aproveitando os espaços no garrafão adversário. Mais tranquilo e sem se precipitar, o Mogi conseguiu ficar na frente do placar desde o começo. O Paulistano, por outro lado, foi pouco eficiente, e errou todas as tentativas de bolas de três. A diferença no final do quarto ficou de seis pontos.

No segundo período o Paulistano apareceu com uma postura melhor e mais ofensiva. Com boa velocidade nas infiltrações, o time da capital tirou a vantagem do Mogi em poucos minutos, levando equilíbrio à partida. Ainda assim, o Mogi conseguiu manter a liderança no placar e levou para o intervalo a vitória parcial por 37 a 34.

Na volta dos vestiários o Paulistano chegou ao empate logo no primeiro minuto. O Mogi, no entanto, segurava a liderança e buscava se manter mais ofensivo, mas o time não conseguiu evitar a virada no placar, aos quatro minutos. O jogo então, em alta temperatura, ganhou ainda mais ritmo e uma alternância de cestas até os visitantes mais uma vezes virarem o marcador nos segundos finais do terceiro quarto.

A parcial final e decisiva contou com os dois times arriscando bastante e mesmo com a virada do Paulistano, o Mogi conseguiu retornar à liderança por boa parte do quarto. Foi com cinco minutos no cronômetro que o time da capital voltou a se impor para ficar à frente e abrir uma vantagem de quatro pontos há três minutos do fim. Foi então que o Mogi partiu para o tudo ou nada e deixou espaços no campo defensivo que não foram desperdiçados pelo Paulistano. Os visitantes administraram bem a liderança até o último minuto, quando o Mogi levantou a torcida encostando no placar. Os segundos finais foram repletos de emoção, com um ponto separando os times com 11 segundos no cronômetro, mas que não foram suficientes para uma virada.