Basquete/NBA

Clippers ganham em casa; 76ers vencem 10ª partida da temporada

São Paulo , SP
08/01/2017 21:41:39

Em: Basquete, Mais Esportes, NBA, Notícias
LOS ANGELES, CA - JANUARY 8: DeAndre Jordan #6 of the LA Clippers reacts to a play against the Miami Heat during the game on January 8, 2017 at STAPLES Center in Los Angeles, California. NOTE TO USER: User expressly acknowledges and agrees that, by downloading and/or using this Photograph, user is consenting to the terms and conditions of the Getty Images License Agreement. Mandatory Copyright Notice: Copyright 2017 NBAE   Andrew D. Bernstein/NBAE via Getty Images/AFP
DeAndre Jordan foi um dos principais destaques do LA Clippers (Foto: AFP)

Os Los Angeles Clippers contaram com o apoio de sua torcida para aumentar sua série de vitórias na temporada regular da NBA. Neste domingo, a equipe recebeu a visita do Miami Heat e venceu por 98 a 86.

Com o placar, os Clippers chegaram a 26ª vitória na Conferência Oeste e mantiveram a quarta colocação, que garante vaga aos playoffs. O trio formado por DeAndre Jordan, JJ Redick e Chris Paul foi responsável por 51 pontos e 31 rebotes, com JJ Redick sendo o cestinha da partida – 25 pontos.

Confirmando o favoritismo, os Clippers entraram em quadra com um forte ritmo, e terminaram o primeiro quarto à frente do Heat: 20 a 19. O equilíbrio do primeiro quarto não apareceu no segundo, e, com ótimas pontes-aéreas, o time de Los Angeles abriu 13 pontos de vantagem.

Depois do “apagão”, a franquia de Miami voltou a vender caro a derrota no terceiro quarto, quando Goran Dragic apareceu como elemento surpresa. O basquete da equipe voltou a aparecer no último quarto, quando anotou 20 pontos contra 18 dos Clippers – que colocou alguns jogadores reservas em quadra -, mas nada que tirasse a boa vantagem da equipe de Los Angeles que fechou o duelo com 98 a 86.

O 76ers venceu o Nets, pior equipe da temporada 2016/17 da NBA (Foto: AFP)
Os 76ers venceram os Nets, pior equipe da temporada 2016/17 da NBA (Foto: AFP)

76ers, enfim, vencem – Neste domingo, duas das piores equipes da temporada ficaram frente à frente. Jogando em Nova York, na casa do Brooklyn Nets, o Philadelphia 76ers venceu por 105 a 95.

Os Nets entraram em quadra com a pior campanha da temporada 2017 (27 derrotas e 8 vitórias), enquanto os 76ers, com a penúltima (25 derrotas e 9 vitórias). O time da Philadelphia contou novamente com ótima atuação do jovem central Joel Embiid que, com 20 pontos, cinco rebotes e quatro assistências, ajudou a equipe a conquistar a 10ª vitória na NBA. Sem Jeremy Lin em quadra, os Nets contaram com grande apresentação do central Brook Lopez, cestinha da partida com 26 pontos anotados.

O primeiro quarto do duelo começou muito equilibrado, com os Nets terminando à frente do placar: 27 a 24. A franquia de Nova York ampliou a vantagem no segundo quarto, quando contou com Lopez inspirado para colocar 11 pontos sobre a franquia da Philadelphia Quando parecia que o jogo estava encaminhando para uma vitória tranquila de Lopez e companhia, os 76ers acordaram e passaram à frente, após Embiid dominar o garrafão: 78 a 73. A vitória foi confirmada nos últimos 10 minutos, com o jovem camaronês colocando 105 a 95.

O Bucks acabou derrotado em seu próprio ginásio (Foto: AFP)
Os Bucks acabaram derrotados em seu próprio ginásio (Foto: AFP)

Wizards aprontam para cima do Bucks – Em um dos jogos mais esperados da noite, o Washington Wizards encarou o Milwaukee Bucks e saiu com a vitória, mesmo fora de casa: 107 a 101. Com o resultado, as duas equipes igualaram a marca de 18 vitórias e 18 derrotas na Conferência Leste da NBA.

Sem poder contar com Giannis Antetokoumpo, o “Greek Freak”, os Bucks apostaram suas fichas em outro jovem talento, o ala-pivô Jabari Parker. Aos 21 anos, o jovem marcou 28 pontos e foi o cestinha da partida. Enquanto pelo lado vencedor, o ala-armador Bradley Beal deixou 26 pontos e foi um dos destaques do duelo.

Com times liderados por jovens estrelas, as duas equipes apostaram no jogo rápido. Sem poder contar com um dos principais jogadores da temporada, os Bucks contarma com Parker inspirado para iniciar com o placar favorável: 31 a 24. O segundo quarto se mostrou mais equilibrado, com os Bucks mantendo oito pontos de vantagem.

Os Wizards começaram a acordar para o jogo no segundo tempo. Com um basquete dominante na terceira parcial, os visitantes viraram o placar e abriram quatro pontos à frente: 82 a 78. Nos últimos 10 minutos, Otto Porter Jr e John Wall se juntaram a Beal e ajudaram os Wizards a conquistarem a vitória por 107 a 101.