Brasil chega à 2ª vitória na Copa América com massacre sobre Equador

São Paulo, SP

12-08-2015 07:21:49

A Seleção Brasileira feminina de basquete foi impiedosa diante do Equador em seu segundo jogo pela Copa América, torneio disputado em Edmonton, no Canadá. Na madrugada desta quarta-feira, as comandadas de Luiz Augusto Zanon aplicaram um massacre por 76 a 45. Com o resultado, a equipe nacional chegou à segunda vitória na competição e manteve-se invicta, colocando-se no segundo lugar do Grupo B, atrás somente da Argentina por ter um saldo de pontos inferior.

A ala Iziane Marques foi a grande artífice da vitória brasileira. Ela foi a cestinha da partida, com 19 pontos anotados. Apanhou ainda seis rebotes, deu uma assistência e obteve uma recuperação de bola.

“Viemos para a Copa América para fazer um bom trabalho e mostrar nosso jogo. Não fizemos um bom primeiro quarto e permitimos que o Equador jogasse. A partir do segundo período melhoramos nossa defesa e o ataque funcionou melhor”, analisou Iziane, que pediu melhoras independentemente da classificação prévia do Brasil aos Jogos Olímpicos e já projetou o próximo desafio: as Ilhas Virgens.

“Temos que continuar melhorando e buscando o nosso melhor independente de já estarmos classificados para os Jogos Olímpicos de 2016. Contra as Ilhas Virgens precisamos impor nosso ritmo desde o início e buscar mais uma vitória”, encerrou.

A ala Iziane Marques foi a cestinha do confronto diante do Equador, com 19 pontos (Foto: Fiba Américas/ Divulgação)
A ala Iziane Marques foi a cestinha do confronto diante do Equador, com 19 pontos (Foto: Fiba Américas/ Divulgação)

A pivô Nádia Colhado foi outro destaque da Seleção no triunfo sobre as equatorianas. Ela cravou um dupol-duplo de 14 pontos e 22 rebotes, além de ter contribuído com três assistências. Isabela Ramona, 11 tentos e seis rebotes, e Jaqueline Silvestre, nove acertos e três rebotes, também merecem registro. Pelo lado perdedor, Marjorie Caicedo, com 14 pontos, foi o grande nome.

“Estou muito feliz com meu desempenho, mas muito mais feliz por ter ajudado minha equipe a conseguir essa importante vitória. Com certeza o time vai se soltar mais e evoluir na competição e estou muito otimista com esse grupo. Contra Ilhas Virgens vamos apresentar um jogo ainda melhor e conquistar a terceira vitória”, comemorou Colhado.

Integrante do Grupo B, o Brasil volta à quadra já nesta quarta-feira, às 23h45 (de Brasília), para medir forças com as Ilhas Virgens, equipe que acumula três derrotas em três jogos. A Seleção nacional encerra sua participação nesta primeira fase diante da Argentina, na quinta, novamente às 23h45.

A Copa América do Canadá serve como Pré-Olímpico, mas não para o Brasil, que conquistou vaga antecipada para o Rio 2016 por ser país-sede. A confirmação da classificação aconteceu no último domingo, quando a Confederação Brasileira de Basquetebol (CBB) anunciou garantias de pagamento da dívida de cerca de 800 mil dólares à Federação Internacional de Basquetebol (Fiba).

Deixe seu comentário