Gazeta Esportiva |

Em prova que deve marcar despedida, Bolt conquista nono ouro em Olimpíadas 

Em Atletismo, Olimpíadas 2016, Olimpíadas Destaque
Atualizado em 09/08/2017 - 20:55:21 Compartilhe
São Paulo , SP
Bolt conquistou sua nona medalha e seu terceiro tricampeonato olímpico (Foto: Olivier Morin/AFP)
Bolt conquistou sua nona medalha e seu terceiro tricampeonato olímpico (Foto: Olivier Morin/AFP)

Usain Bolt conseguiu chegar ao objetivo traçado em sua vinda aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Nesta sexta-feira, no Estádio Olímpico, o velocista conquistou seu terceiro tricampeonato em Olimpíadas ao ficar com a medalha de ouro no revezamento 4x100m junto de seus companheiros da Jamaica.

O tempo que deu o ouro à equipe jamaicana, formada por Asafa Powell, Yohan Blake, Nickel Ashmeade e Usain Bolt, foi de 37s27, melhor marca na temporada. O Japão ficou com a prata, fechando a prova em 37s60, e o Canadá com o bronze, com tempo de 37s64, já que os Estados Unidos, que terminaram na terceira colocação, com 37s62, foram desclassificados por invadir a raia dos jamaicanos.

A equipe brasileira do revezamento 4x100m terminou com o pior tempo da final, fechando a prova em 38s41. No entanto, terminou na sexta colocação, já que contou com a eliminação dos norte-americanos e também de Trinidad & Tobago.

A prova deve marcar a despedida de Usain Bolt em Olimpíadas, que fecha sua participação em Jogos Olímpicos com 100% de aproveitamento, já que conquistou todas as medalhas de ouro que disputou nas provas de 100m rasos, 200m rasos e revezamento 4x100m em Pequim 2008, Londres 2012 e Rio 2016.

Com o resultado, Usain Bolt se igualou a outros quatro atletas como o segundo que mais conquistou medalhas de ouro na história das Olimpíadas, com nove. O único que supera o jamaicano é o fenômeno da natação norte-americana, Michael Phelps, que possui 23.

Revezamento feminino tem vitória dos Estados Unidos – No revezamento 4x100m feminino, foi a equipe dos Estados Unidos que conseguiu ficar com a medalha de ouro. Com tempo de 41s01, as norte-americanas superaram as jamaicanas, que fizeram a prova em 41s36 e ficaram com a prata. O bronze foi para a Grã-Bretanha, com tempo de 41s77.

Atleta grega leva ouro no salto com vara – Na competição do salto com vara feminino, a grega Ekaterini Stefanidi aproveitou a ausência da russa Yelena Isinbayeva no Rio 2016 e conquistou a medalha de ouro da prova. A atleta da Grécia pulou os mesmos 4m85 da norte-americana, Sandi Morris, medalha de prata, mas garantiu o lugar mais alto do pódio nos critérios de desempate, por ter pulado os 4m70 em sua primeira tentativa. O bronze ficou com a britânica Eliza McCartney.

Comente