Suspenso por dez anos, Jerome Valcke entra com recurso no TAS

São Paulo, SP

28-02-2017 16:03:55

Jerome Valcke, ex-secretário-geral da Fifa, entrou com um recurso no Tribunal Arbitral do Desporte (TAS) para apelar contra a sua suspensão de dez anos imposta pelos órgãos internos de justiça da entidade maior do futebol.

Em 12 de fevereiro de 2016, o francês de 56 anos foi suspenso, em primeira instância, por 12 anos de qualquer atividade relacionada ao futebol. Posteriormente, o executivo e ex-diretor de marketing da Fifa viu sua pena ser reduzida para dez anos.

Leia mais: Presidente da Uefa afirma que políticas de Trump dificultam EUA sede de 2026

Braço direito do ex-presidente da Fifa Joseph Blatter, Valcke foi afastado do cargo de secretário-geral em outubro de 2015 depois de ter sido citado em um caso de revenda de ingressos da Copa do Mundo de 2014. Blatter também está suspenso com uma pena de seis anos, que inicialmente era de oito.

De acordo com uma nota divulgada no site do TAS, Jerome Valcke pretende que a pena seja retirada de forma definitiva. Além disso, o tribunal divulgou os próximos passos do processo. Em primeiro lugar, as duas partes irão avaliar a documentação e uma comissão constituída por três árbitros será formada. Em seguida, essa comissão irá divulgar as instruções para a realização da audiência. O passo final, após a audiência, é a deliberação por parte dos três árbitros e a emissão da decisão sob forma de sentença arbitral.

Deixe seu comentário