Há 39 anos, São Paulo conseguia grande virada contra o Botafogo e avançava à final do Brasileiro

São Paulo, SP

26-04-2020 08:00:11

Há 39 anos, no dia 26 de abril de 1981, os torcedores do São Paulo estavam em festa, comemorando a classificação à final do Campeonato Brasileiro. Depois de ser derrotado por 1 a 0 para o Botafogo, no Maracanã, pela partida de ida das semifinais, o Tricolor Paulista venceu por 3 a 2 no Morumbi, de virada após sair perdendo por 2 a 0, e garantiu a vaga na decisão.

O São Paulo chegou à fase semifinal depois de eliminar o rival Santos, nas oitavas, e o Internacional, nas quartas. O Botafogo, por sua vez, deixou pelo caminho o CSA e o Flamengo de Zico e companhia, que posteriormente seria campeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes naquele ano.

Diante de quase 100 mil torcedores, o Tricolor, que precisava vencer, viu sua situação ficar ainda mais complicada no início do jogo de volta. Aos 10 minutos, Jérson abriu o placar para o Glorioso após boa tabela com Marcelo. Nove minutos depois, Mendonça aproveitou o contra-ataque para emendar de primeira e fazer 2 a 0 em pleno Estádio do Morumbi.

Os donos da casa começaram a se reerguer aos 45 minutos da primeira etapa. Serginho Chulapa caiu na área, e o árbitro Bráulio Zanotto marcou o pênalti. O próprio centroavante cobrou rasteiro, no canto direito do goleiro Paulo Sérgio e descontou, retomando as esperanças dos são-paulinos.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

No intervalo, o preparador físico Ithon Fritzen, que estava substituindo o técnico Carlos Alberto Silva e o auxiliar técnico João Leal Neto, ambos suspensos, resolveu colocar Éverton no lugar de Heriberto. E a substituição deu resultado, já que o jogador empatou a partida aos 21 minutos do segundo tempo com uma bomba de primeira, no ângulo.

E aos 33, Éverton, mais uma vez, balançou as redes, virando o jogo para o São Paulo. Com o resultado, o Tricolor Paulista se classificou por contar com campanha melhor que a do Botafogo.

Apesar da vitória heroica na semifinal, o São Paulo não ficou com o título brasileiro de 1981. Na decisão, o Grêmio saiu com a vitória nas duas partidas e levantou o troféu, impedindo que a equipe paulista conquistasse a competição nacional pela segunda vez em sua história naquela temporada.


Deixe seu comentário