Grafite marca na estreia e decreta vitória do Santa Cruz sobre o Botafogo

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

08/08/15 | 18:33 - 08/08/15 | 19:31

Os torcedores que encheram o Arruda neste sábado não saíram decepcionados na estreia de Grafite. O experiente atacante foi o autor do gol da vitória por 1 a 0 do Santa Cruz sobre o Botafogo, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os pernambucanos chegaram a 25 pontos e começam a sonhar em chegar no G-4 da Segundona. Já os cariocas despencaram na tabela e vão terminar a rodada na quarta posição.

Após um primeiro equilibrado, sem muita emoção, o Santa Cruz voltou melhor para a etapa final e fez o gol logo no início. Grafite aproveitou cruzamento de João Paulo para decretar a vitória dos donos da casa. O Botafogo mostrou mais uma vez a dificuldade no setor ofensivo e pouco produziu mesmo com as alterações do técnico Ricardo Gomes.

Na próxima rodada, o Botafogo terá pela frente o ABC, no Rio de Janeiro, na terça-feira. Já o Santa Cruz vai atuar novamente em casa, no mesmo dia. os pernambucanos vão receber o desesperado Mogi Mirim.

O jogo - Empurrado pela torcida que lotou o Arruda, o Santa Cruz começou a partida com muita vontade. Os donos da casa controlaram a posse de bola e buscavam o ataque com intensidade. Com isso, o Botafogo apenas se defendeu nos primeiros minutos, mas não foi ameaçado em nenhum momento.

Aos poucos, o Botafogo equilibrou a partida e teve a primeira chance do jogos aos 15 minutos. Néris saiu errado com a bola e viu Neilton ficar com ela na área. Mesmo sem ângulo, o atacante arriscou o toque por cobertura, mas foi muito forte.

Depois do lance, os alvinegros passaram a ter mais facilidade em aproveitar os espaços deixados pelo Santa Cruz. O Botafogo teve nova chance de abrir o placar aos 22 minutos. Carleto cobrou falta de longe, Navarro interceptou a bola, mas chutou prensado, o que facilitou a defesa do goleiro Tiago Cardoso.

Na parte final do primeiro tempo, o Santa Cruz teve sua principal chance de marcar, aos 37 minutos. Em ataque rápido, Lelê lançou Bileu na entrada área. O volante acertou belo chute de primeira, mas viu Jéfferson se esticar para fazer grande defesa.

O lance assustou o Botafogo, que preferiu administrar o resultado nos minutos finais. O Santa Cruz aproveitou para avançar com mais vontade, mas pouco fez no setor ofensivo. Assim, o confronto permaneceu sem gols até o intervalo.

Na estreia, Grafite marcou e garantiu a vitória do Santa (Foto: Anderson Stevens/ Agência Eleven/Gazeta Press)
Na estreia, Grafite marcou e garantiu a vitória do Santa (Foto: Anderson Stevens/ Agência Eleven/Gazeta Press)

No segundo tempo, o Santa Cruz voltou com mais vontade e não demorou para abrir o placar no Arruda. Logo com cinco minutos, João Vitor cruzou na segunda trave e viu o estreante Grafite aparecer para cabecear para a rede, sem chance para Jefferson.

O Botafogo sentiu o revés e viu o Santa Cruz crescer dentro do jogo. Tanto que os donos da casa quase ampliaram o marcador com Marlon. Os cariocas sofriam na parte ofensiva e só finalizava em chutes de longa distância sem qualquer perigo.

Com o passar do tempo, o Botafogo permanecia em busca do empate, mas sofria com a falta de criatividade do setor ofensivo. Já o Santa Cruz tinha o controle da partida e ainda assustava nas bolas aéreas. Os cariocas só conseguiram chegar próximo ao empate aos 37 minutos. Em cobrança de falta na área, o goleiro Tiago Cardoso saiu mal, mas Navarro cabeceou para fora.

Nos minutos finais, o Santa Cruz passou a administrar o resultado e permitiu a pressão do Botafogo. No entanto, os visitantes não conseguiram passar pela retranca pernambucana, que segurou a vitória até o apito final.

FICHA TÉCNICA
SANTA CRUZ 1 X 0 BOTAFOGO

Local: Estádio Arruda, em Recife (PE)
Data: 8 de agosto de 2015, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto (SP) e Carlos Augusto Nogueira Júnior (SP)
Renda: R$ 1.800.815,00
Público: 44.485 presentes
Cartões amarelos: Anderson Aquino, Luisinho e Danny Morais (Santa Cruz); Serginho, Carleto e Lulinha (Botafogo)
GOL:
SANTA CRUZ: Grafite, aos 5 minutos do segundo tempo

SANTA CRUZ: Tiago Cardoso, Vitor (Moradei), Danny Morais, Neris e Marlon (Lúcio); Wellington, Bileu, João Paulo, Lelê e Anderson Aquino; Grafite (Luisinho)
Técnico: Marcelo Martelotte

BOTAFOGO: Jefferson, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto; Serginho (Daniel Carvalho), Willian Arão, Octávio (Lulinha) e Diego Jardel; Neilton (Sassá) e Navarro
Técnico: Ricardo Gomes

Deixe seu comentário