Após polêmica com Mourinho, médica pede demissão do Chelsea

São Paulo, SP

22-09-2015 15:45:51

A polêmica entre Eva Carneiro, médica do Chelsea, e o técnico José Mourinho ganhou um novo capítulo. Segundo a imprensa inglesa, ela pediu demissão nesta terça-feira, depois de ser afastada de suas funções pelo treinador.

Os Blues pediram que Eva retornasse ao trabalho nesta sexta-feira, mas a médica, de 42 anos, optou pela saída do clube e pretende acionar a Justiça. Ela não compareceu ao Centro de Treinamento de Cobham desde oito de agosto, data em que a confusão com Mourinho teve início. Nos jogos, vem sendo substituída por Chris Hughes.

O problema começou no empate em 2 a 2 do Chelsea com o Swansea, no Satmford Bridge, pela primeira rodada do Campeonato Inglês. Na ocasião, Eva entrou em campo para atender Eden Hazard no final da partida, quando a equipe ainda tentava a vitória. Sua atitude irritou Mourinho, já que o jogador teria de sair para a lateral do gramado para ser atendido, e o time ficaria em inferioridade numérica, além de considerar que o meia estava apenas cansado.

Após o episódio, a Federação Inglesa de Futebol (FA) recebeu denúncia contra o técnico português, que foi acusado de chamar Eva de “filha da p...” no momento em que a viu ingressando no gramado para atender o atleta belga.

A médica Eva Carneiro entrou em campo para atender Hazard e desagradou José Mourinho (Foto: Ian Kington/AFP)
A médica Eva Carneiro entrou em campo para atender Hazard e desagradou José Mourinho (Foto: Ian Kington/AFP)

Deixe seu comentário