Futebol

Fluminense pode ter três candidatos na eleição de junho

Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ
18/04/2019 16:08:45

Em: Fluminense, Futebol
Pedro Abad, presidente do Flu, preferiu antecipar as eleições no clube (Foto: Reprodução/Twitter)

O momento político do Fluminense está fervendo com a eleição presidencial prevista para junho. Apesar de ter mandato até o fim do ano, o atual presidente, Pedro Abad, optou por antecipar o pleito depois de quase sofrer um processo de afastamento em dezembro. A tendência é que três nomes, todos eles tidos como oposição, concorram à cargo de presidente do Tricolor.

Derrotados por Abad no último pleito, o empresário e médico Celso Barros, que presidiu a Unimed na época em que a empresa injetou muito dinheiro de patrocínio no clube, e o advogado Mário Bittencourt uniram forças. Mário, que ganhou notoriedade ao liderar o processo que evitou o rebaixamento do Fluminense no Campeonato Brasileiro de 2013, deve ser o cabeça da chapa. Por este motivo que o ex-vice-presidente de futebol Ricardo Tenório deixou o chamado Triunvirato da oposição.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Tenório formava o trio com Barros e Mário, mas queria ser o cabeça da chapa por entender que existia um combinado com Mário. Na eleição passada Tenório foi vice de Mário e esperava a tal retribuição, que não veio pelo fato de o advogado entender que o acordo só existia se a dupla tivesse derrotado Abad na eleição passada.

O terceiro candidato, que já anunciou que vai tentar o mandato, é o engenheiro Ayrton Xerez, de 72 anos. Ex-deputado federal, ele, que foi secretário de Meio Ambiente na gestão de César Maia à frente da Prefeitura do Rio de Janeiro, é integrante do grupo “Honra, Glória e Tradição” (HGT).

A eleição do Fluminense, inclusive, contará com a presença das urnas eletrônicas usadas nas últimas eleições do Rio de Janeiro. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) acatou o pedido de Abad para ceder as urnas por empréstimo. Com isso, a apuração após os resultados acontecerá de forma muito rápida e poucos minutos depois de acabar o pleito, que será confirmado para 8 de junho, o vitorioso será conhecido.

Dentro de campo o elenco ganhou folga nesta quinta-feira e volta a trabalhar nesta sexta-feira, quando começa a preparação para o duelo da próxima quinta-feira, às 21h30(de Brasília), no Estádio Arruda, em Recife (PE), pela rodada de volta da quarta fase da Copa do Brasil. Como ganhou por 2 a 0 no Rio de Janeiro, o Tricolor carioca pode perder por um gol de diferença que mesmo assim vai se classificar.