Atlético empata no fim, e Real Madrid perde a chance de liderar

São Paulo, SP

04-10-2015 17:26:14

O Real Madrid deixou escapar a chance de liderar o Campeonato Espanhol no dérbi deste domingo, válido pela sétima rodada. No Vicente Calderón, o time de Cristiano Ronaldo abriu o placar no primeiro tempo com Benzema, mas cedeu o empate aos 38 da etapa final, quando o argentino Vietto balançou as redes pelo Atlético para fechar o placar em 1 a 1.

LEIA MAIS:
Blog do Abad: "O Derby de “São Navas” (e dos cartões!)"

Além do centroavante francês, o outro grande blanco foi o goleiro Keylor Navas, que defendeu pênalti cometido por Sergio Ramos e cobrado por Griezmann, também na primeira etapa. Gareth Bale, voltando de contusão, entrou aos 20 minutos da etapa final, no lugar de Isco. Do lado mandante, os principais nomes foram argentinos: além do autor do gol, Ángel Correa foi bem na primeira etapa, antes de ser substituído por Vietto.

Com o resultado, o Real foi a 15 pontos na tabela, ultrapassando assim o rival Barcelona e o Celta de Vigo, mas segue atrás do Villarreal, que perdeu para o Levante por 1 a 0 neste domingo e soma 16 unidades. Agora, Rafa Benítez e seus comandados recebem justamente o Levante no próximo sábado, no Santiago Bernabéu.

Já o Atlético de Madri foi a 13 pontos, mas continua na quinta colocação. Seu próximo adversário será o Real Sociedad, fora de casa, no domingo que vem (18).

Navas ainda defendeu pênalti de Griezmann na primeira etapa do dérbi de Madri (Foto: Curto de la Torre/AFP)
Navas ainda defendeu pênalti de Griezmann na primeira etapa do dérbi de Madri (Foto: Curto de la Torre/AFP)

O jogo - O dérbi começou intenso no Vicente Calderón. Em grande fase, Cristiano Ronaldo teve a primeira chance de gol da partida. Aos três minutos, o português recebeu cruzamento e fez o cabeceio, mas mandou para fora, ao lado da meta visitante.

Animado pela chance criada por seu camisa 7, o time merengue passou a pressionar a saída de bola adversária, enquanto os rojiblancos se viam obrigados a tentar atacar através de lançamentos longos e contragolpes após as investidas dos rivais.

A pressão surtiu efeito aos oito minutos, quando Benzema abriu o placar para o Real Madrid. Carvajal fez boa jogada pela direita e cruzou bem para o francês cabecear com firmeza e abrir o placar do clássico. Os donos da casa responderam em seguida com chute de Ángel Correa, que recebeu passe em profundidade, invadiu a área e tentou deslocar Navas, mas tocou para fora.

Cristiano Ronaldo tentava imprimir velocidade pela ponta esquerda para retomar o domínio do jogo para os merengues, mas esbarrava na marcação do Atlético e também era sonoramente vaiado pela torcida rival.

Aos 20 minutos, grande chance para os donos da casa: Fernando Torres puxou contra-ataque e foi desarmado por Sergio Ramos que, no entanto, perdeu a bola para Tiago e o derrubou dentro da área, cedendo pênalti para os rojiblancos baterem e recebendo cartão amarelo do árbitro. Griezmann foi para a cobrança e mandou no canto esquerdo, mas viu Navas saltar para fazer importante defesa e salvar o Real.

Benzema abriu o placar para o Real Madrid no início do primeiro tempo (Foto: Pierre-Philippe Marcou)
Benzema abriu o placar para o Real Madrid no início do primeiro tempo (Foto: Pierre-Philippe Marcou)

A partida era aberta após a primeira metade da etapa inicial. Do lado mandante, o argentino Ángel Correa era mesmo o destaque da equipe, partindo para cima dos adversários e criando jogadas em velocidade. Aos 39, entretanto, recebeu cartão amarelo por falta cometida em Carvajal. Em decorrência do lance, o lateral merengue teve de ser substituído por Arbeloa.

O Atlético começou o segundo tempo com modificação no meio-campo: Carrasco no lugar de Óliver Torres. E, através de Fernando Torres, foi a equipe de Simeone que teve a primeira oportunidade após o intervalo. Aos quatro minutos, o camisa 9 invadiu a área e bateu cruzado, mas mandou para fora. Cristiano Ronaldo respondeu pelo Real em seguida, e bateu forte de esquerda da entrada da área, mas também errou o alvo.

Aos 10 minutos, troca de argentinos na equipe rojiblanca: saiu Ángel Correa para a entrada de Vietto. O que se viu no Vicente Calderón em seguida foi muita intensidade física. Assim, em quatro minutos, o árbitro distribuiu três cartões amarelos: para Varane, Casemiro e Juanfran.

Ambos os treinadores fizeram mudanças importantes em suas equipes: no Atlético, Fernando Torres deu lugar a Jackson Martínez, e Bale, voltando após contusão, substituiu Isco no Real. Então, como o Atlético passou a esboçar uma pressão final, Rafa Benítez trocou Benzema por Kovacic para reforçar seu meio-campo.

Aos 38 minutos, no entanto, os donos da casa conseguiram furar o bloqueio rival. Jackson Martínez fez boa jogada pelo lado direito, cruzou e encontrou Griezmann, que desviou de letra. Na sequência, Vietto só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo do gol e igualar o marcador. Pouco depois, Cristiano Ronaldo caiu na área do Atlético após dividida com Godín, mas o juiz mandou a partida seguir. Aos 45, Navas ainda voltou a salvar o Real ao defender chute de Jackson Martínez, garantindo o empate.

Confira os outros resultados deste domingo pelo Campeonato Espanhol:
Rayo Vallecano 0 x 2 Betis
Athletic Bilbao 3 x 1 Valencia
Levante 1 x 0 Villarreal

Deixe seu comentário