Felipe Moreira defende Pottker e treina a Ponte visando a Copa do Brasil

São Paulo, SP

06-02-2017 17:02:47

Desde 2008 a Ponte Preta não estreava com vitória no Campeonato Paulista. Neste domingo, comandada pelo efetivado Felipe Moreira, a Macaca quebrou o jejum em jogo difícil: venceu de virada, 2 a 1, a Ferroviária. Nesta segunda-feira, a equipe treinou pela manhã e partiu rumo a Campina Grande, onde enfrenta o Campinense, na quarta, às 19h30 (de Brasília), pela Copa do Brasil.

Após a primeira partida oficial do ano, o técnico fez algumas ponderações. Primeiro, procurou exaltar a força da torcida, fundamental para a obtenção dos três pontos, em seu ponto de vista. Em um segundo momento, enalteceu a vontade dos jogadores, outro fator preponderante para a quebra do tabu, para ele.

“Foi o primeiro jogo do campeonato e vi um time um pouco nervoso, ansioso para vencer, e quero enaltecer a torcida da Ponte: nos apoiou a todo momento, incentivou o time e isso fez o nosso time crescer mesmo depois do gol que tomamos. A entrega do pessoal também foi maravilhosa. Nós conversamos sobre vários aspectos: posicionamento, bola parada, mas a única coisa que não podemos abrir mão é nossa vontade dentro de campo”, avaliou o treinador, em nota oficial publicada pelo clube.

Outro ponto tratado por ele foi sobre o atacante William Pottker. Negociado com o Corinthians, o jogador vai transferir-se ao Parque São Jorge após o Paulistão. Neste domingo, no estádio Moisés Lucarelli, o artilheiro foi alvo de vaias, apesar de marcar um dos gols do jogo, justamente por ter se acertado com o rival da capital. Felipe Moreira fez questão de sair em defesa do atleta.

“Ficou registrado que o Pottker é um cara sério. Está focado e ama este clube. Foi intenso a todo momento e ninguém pode ter dúvida dele. O treino foi pautado a semana inteira nesta bola longa nas costas da linha, para o Pottker e o Lucca entrarem em velocidade. É importante nós passarmos nos treinos e os atletas fazerem no campo. E o Pottker não vai deixar de dividir. Ele está muito bem na Ponte e gosta de trabalhar aqui”, finalizou o comandante.

Deixe seu comentário