Futebol Internacional/Bastidores

Diretor do Dortmund critica Wenger por interesse em Aubameyang

São Paulo , SP
18/01/2018 16:39:25

Em: Arsenal, Bastidores, Borussia Dortmund, Futebol, Futebol Internacional, Mercado da bola

O diretor esportivo do Borussia Dortmund, Michael Zorc, criticou Arsène Wenger em entrevista ao jornal alemão Bild. Zorc condenou a postura do treinador do Arsenal, que recentemente falou à imprensa que Pierre-Emerick Aubameyang, atacante do time aurinegro, teria espaço nos Gunners.

“Consideramos que se referir a jogadores de outras equipes é uma falta de respeito. Wenger já tem muitos afazeres em relação ao rendimento de seus jogadores”, disse Zorc.

Pierre-Emerick Aubameyang está próximo de se transferir para o Arsenal (Foto: John MacDougall/AFP)

Embora os rumores sobre a saída de Aubameyang do Borussia Dortmund só aumentem, o diretor esportivo do clube negou que esteja negociando a venda do gabonês com o Arsenal. A emissora Sky Italia, por sua vez, garante que o jogador já até aceitou a proposta para se mudar para a Inglaterra e ganhar 170 mil libras por semana (R$ 758 mil).

Cada vez mais próximo de ver Alexis Sanchez se despedir do Arsenal, Arsène Wenger espera que o negócio se concretize e Aubameyang aterrisse em Londres para substituir o chileno. Encantado com o futebol do atacante gabonês, o treinador dos Gunners acabou incomodando o diretor esportivo aurinegro Michael Zorc por conta das seguintes palavras:

“Um caráter forte pode ser positivo ou negativo, mas o mais importante é o que fez ao longo de sua carreira, e ele [Aubameyang] fez muitas coisas. Teria vaga no Arsenal”, disse Wenger.

Por fim, Michael Zorc admitiu a mudança de comportamento de Aubameyang, que parece estar fazendo de tudo para se despedir da Alemanha. “Já não o reconheço. É um personagem excêntrico, um pouco extrovertido, mas sempre foi disciplinado e profissional. Mas agora não é este o caso. Não sei o que está passando pela sua cabeça.