Futebol

André marca na reestreia pelo Sport, mas River-PI arranca empate na Ilha

São Paulo, SP
11/02/2017 21:26:12

Em: Campeonatos, Copa do Nordeste, Futebol, Sport

A noite desse sábado tinha tudo para ser inesquecível para o atacante André. Após brilhar com a camisa do Sport Recife em 2015, o jogador revelado pelo Santos voltou ao Leão de Pernambuco depois de passagens ruins por Corinthians e Sporting-POR. André entrou aos 10 minutos do segundo tempo e marcou o gol da virada do Sport em cima do River-PI pela terceira rodada da Copa do Nordeste. Na comemoração, beijou o gramado da ilha do Retiro. O que ninguém esperava é que a equipe do Piauí fosse estragar a festa, com conseguiu. No fim, o empate por 2 a 2 acabou sendo muito comemorado pelos visitantes.

Isso porque a igualdade manteve o River na liderança do Grupo C da competição, com sete pontos. O Sport também tem os mesmos sete pontos, mas fica atrás por ter um gol a menos no saldo. Sampaio Corrêa e Juazeirense dividem a lanterna ainda zerados, mas se enfrentam neste domingo, no Castelão.

O empate em Pernambuco acabou representando bem o que foi o confronto desse sábado. Depois dos mandantes assustarem com uma bola na trave de Ronaldo, o River mostrou que não estava para brincadeira e abriu o marcador com Wesley, após boa jogada de Viola, aos 13 minutos.

O Sport chegou a virar o placar, mas cedeu empate no fim diante do River-PI (Foto: Divulgação/SCR)
O Sport chegou a virar o placar, mas cedeu empate no fim diante do River-PI (Foto: Divulgação/SCR)

Antes do intervalo, o Leão conseguiu chegar ao empate com Rithely. O volante mais uma vez entrou na área como elemento surpresa e soube aproveitar pelo passe de calcanhar de Leandro Pereira.

Em busca da vitória para agradar os pouco amis de 8 mil torcedores que foram ao estádio, o técnico Daniel Paulista promoveu a reestreia de André. E o reforço mostrou que tem brilho com a camisa do Sport. Aos 36 da etapa final, o jogador teve a chance de virar o jogo em cobrança de pênalti, mas, parou no goleiro Leandro Silva. Pelo menos o rebote André não desperdiçou. Na comemoração, o artilheiro ajoelhou e beijou o gramado da Ilha do Retiro.

Mas, o River não queria saber de festa. Dois minutos depois, Viola venceu disputa pelo alto e concluiu sem chances para Magrão. O empate pegou os jogadores do Sport de surpresa. Apesar de exercer muita pressão nos minutos finais, não teve jeito. A noite que tinha tudo para ser de André acabou sendo de Viola e do River, que evitaram a derrota e mantiveram a liderança do Grupo C na Copa do Nordeste.