Após treinos especiais, Oliveira não será mais poupado no Santos

Do correspondente Vitor Anjos - Santos,SP

25-02-2017 08:00:11

Antes do início do Campeonato Paulista, todos os jogadores do Santos se apresentaram para a pré-temporada no dia 11 de janeiro. Porém, Ricardo Oliveira ficou fora deste trabalho por duas semanas. O centroavante sofreu com caxumba no começo do ano e voltou ao clube apenas no dia 25 do mês passado. Por conta disso, o camisa 9 passou um longo período fazendo trabalhos especiais para entrar em forma e recuperar o tempo perdido. Porém, ele não será mais desfalque para o técnico Dorival.

Na derrota para a Ferroviária, no último final de semana, Oliveira fez sua estreia no ano. Mas no jogo seguinte, diante do Ituano, na última terça-feira, ele acabou sendo poupado para realizar mais uma fase de treinamentos separados. Agora 100% fisicamente, o camisa 9 foi liberado pela comissão técnica e será titular no duelo contra o Botafogo-SP, neste sábado, às 17h (de Brasília), pela sexta rodada do Paulistão.

"Na minha cabeça já acabou (treinar separado dos demais). Conversei com o Dorival e com o Celso de Rezende (preparador físico) sobre isso. Meus trabalhos demonstram isso, de que está bom, de que agora chega. Me encontro muito forte fisicamente, meus trabalhos são sempre bem feitos, prévia e pós. Só deixando bem claro que fiquei fora contra o Ituano porque existia essa programação de jogar um e ficar fora depois. Seria a última semana livre para trabalhar com mais força a parte física. Estou pronto para quando o Dorival optar por mim", explicou Ricardo Oliveira.

Mesmo sem ter o ritmo de jogo ideal na estreia diante da Ferrinha, o artilheiro chegou a deixar sua marca, após passe do zagueiro Cleber ainda no primeiro tempo. Porém, a arbitragem anotou um impedimento duvidoso e anulou o lance. Agora, o Santos conta com Oliveira para acabar com a seca de 260 minutos sem balançar as redes na temporada.

"Quero ajudar o time, ser importante na minha função e fazer um grande trabalho junto aos meus companheiros. Estou ótimo. Conversei muito com o Dorival sobre a semana de trabalhos fortes. Vou procurar ajudar os companheiros da melhor maneira", concluiu.

Deixe seu comentário