Mais Esportes/Tênis

Djokovic e Federer confirmam favoritismo e vencem em Cincinnati

São Paulo , SP
13/08/2019 22:29:53

Em: Mais Esportes, Notícias, Tênis
Djokovic venceu o americano Sam Querrey (Foto: Rob Carr/AFP)

Nada de surpresas na partida entre Novak Djokovic e Sam Querrey. Apesar de um primeiro set mais tenso, o número 1 do ranking da ATP venceu o americano por 7/5 e 6/1 em 1h18 de jogo.

O começo do duelo não foi dos mais fáceis para o sérvio. Sam Querrey pareceu disposto a colocar a zebra em quadra, e chegou a ganhar os dois primeiros games. Depois de então, Djokovic se recuperou e imprimiu o seu ritmo forte. Mesmo com o americano resistindo bem, o número 1 da ATP fechou o primeiro set em 7/5.

No segundo, mais confiante, Djokovic não deu chances para o seu adversário. Apesar do 1 a 1 nos dois primeiros games, o sérvio foi avassalador nos seguintes e fechou o jogo com um 6/1. Com a vitória, ele pega agora o vencedor da partida entre John Isner e Pablo Carreno Busta.

Chuva interrompe partida, mas Federer garante a vitória

Federer precisou esperar a chuva para confirmar a vitória (Foto: Matthew Stockman/AFP)

Mais tarde foi a vez de Roger Federer, número 3 do mundo, entrar em quadra para confirmar o seu favoritismo. O duelo era contra o argentino Juan Ignacio Londeiro, 55 do ranking, e caminhava tranquilo, mas uma forte chuva forçou uma interrupção durante o segundo set. Ainda assim o suíço confirmou a vitória depois da parada com 6/3 e 6/4.

Federer venceu o primeiro com certa tranquilidade. O suíço chegou a abrir 3 a 0 e já dava sinais que sobraria para cima do adversário. Apesar de esboçar uma reação, Londeiro não conseguiu parar o favorito, que fechou em 6/3.

No segundo set, entretanto, parecia que o argentino dava mostras de equilibrar a partida. Com cada tenista confirmando os seus serviços, o placar anotava 2 a 2 até que uma forte chuva caiu na quadra. Por conta disso, a partida teve que ser interrompida.

Depois que a chuva passou e a quadra secou, os dois voltaram para a quadra como se nada tivesse acontecido. O cenário era o mesmo, com certo equilíbrio nos primeiros games. Até que Federer impôs o seu jogo e fechou em 6/4.