Com futebol paralisado, Vasco deve antecipar férias do elenco

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

28-03-2020 15:01:10

Único clube do Rio de Janeiro a manter os jogadores treinando em suas casas, sob orientação da preparação física, o Vasco deve aderir ao modelo de dar férias antecipadas aos jogadores. O motivo é a pandemia do Coronavírus, que interrompeu as competições praticamente em todos os países. A decisão, que já é consenso na diretoria, será oficializada nesta segunda-feira.

A ideia inicial é dar férias ao plantel até o dia 20 de abril. A reapresentação aconteceria em 21 de abril, quando começaria uma espécie de nova pré-temporada. Porém, esta data poderá ser revista conforme o andamento das decisões envolvendo a pandemia em todo o país.

Flamengo, Fluminense e Botafogo já adotaram as férias antecipadas aos jogadores, o que pode facilitar inclusive que eles sigam com o plantel pelos meses de dezembro e janeiro caso assim seja determinado pelo calendário da CBF. A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) anunciou esta semana que o Campeonato Carioca está paralisado até 30 de abril, mas na entidade já se fala que o prazo será estendido pelo menos até o fim de maio.

Além de regularizar a situação das férias dos jogadores, o Vasco planeja resolver as questões envolvendo os salários atrasados dos jogadores. Porém, a crise financeira se ampliou com a falta de jogos e a pouca entrada de receitas.

Outro assunto que está na pauta da diretoria é a contratação de um técnico para suprir a ausência de Abel Braga, demitido após a derrota de 2 a 0 para o Fluminense, no dia 15 de março. O próprio presidente Alexandre Campello vem tratando do assunto.

Deixe seu comentário