Tabarez fala sobre estratégia para enfrentar o Brasil e pode usar Piquerez como titular

São Paulo, SP

12-10-2021 22:45:21

A seleção uruguaia realizou nesta terça-feira o seu penúltimo treino antes de enfrentar o Brasil, pela 12ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022. O embate está marcado para esta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), em Manaus.

Pressionado por melhores resultados depois de um empate sem gols com a Colômbia e uma derrota de 3 a 0 para a Argentina, o técnico Óscar Tabarez deve fazer mudanças no seu time titular. A tendência é que o palmeirense Piquerez ganhe uma chance na lateral-esquerda, substituindo o ex-alviverde Matías Viña.

' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7DT-1024x682.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7DT-1024x682.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7HV-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7HV-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7N4-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7N4-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7M9-1-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7M9-1-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7M7-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7M7-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7F7-683x1024.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7F7-683x1024.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7M3-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7M3-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7MC-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7MC-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7MU-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7MU-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7NA-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7NA-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7N9-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7N9-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7TL-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7TL-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7Q3-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7Q3-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7PV-1024x682.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7PV-1024x682.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7Q4-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7Q4-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7TU-1024x714.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7TU-1024x714.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7NM-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7NM-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7U3-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7U3-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7NZ-1024x683.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7NZ-1024x683.jpg'>' href='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7VM-1024x695.jpg' data-thumb='https://www.gazetaesportiva.com/wp-content/uploads/imagem/2021/10/10/000_9PG7VM-1024x695.jpg'>

Além disso, Edinson Cavani, que ficou no banco nos últimos dois jogos, pode voltar a formar a dupla de ataque com Luis Suárez. Bentancur, que cumpriu suspensão diante da Argentina, também deve começar jogando. Dessa forma, o Uruguai deve enfrentar o Brasil com Muslera; Nández, Coates, Godín, Piquerez; Valverde, Vecino, Bentancur, Nicolás De la Cruz; Suárez e Cavani.

“A ideia, como no jogo contra a Colômbia, é desde o início tentar ter equilíbrio na defesa e no ataque, recuperar a bola quando o rival a tiver, fazer um gasto para isso, imediatamente colocá-la na frente e pegar mais perto da área. Isso com um jogo que não perde tempo, sensível, abrindo os espaços. Foi feito em ambos os jogos. Mas não fizemos os gols e as vezes pagamos por isso", disse o experiente treinador em coletiva.

"Não vamos nos apoiar na ideia de que o Brasil está mal, porque não acredito nisso. Foram os primeiros pontos que eles perderam. Vamos nos preparar dentro do que podemos fazer em tão pouco tempo, pensando que vamos dar tudo de nós, sem que nos encontrem descuidados", acrescentou.

O Uruguai ocupa a quarta colocação das Eliminatórias, com 16 pontos ganhos, apenas um a mais que a Colômbia, primeira seleção fora da zona de classificação direta para a Copa do Catar.

“As Eliminatórias são muito difíceis na América do Sul, são muito duras, cada equipe carrega nos ombros os desejos de todo um povo. Ninguém se lembra dos resultados e dos dados das Eliminatórias anteriores; o importante é qualificar. Fomos a dois playoffs, o mundo seguiu e não se falava muito sobre isso. Nem mesmo quando começamos em segundo lugar.", finalizou Tabarez.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário