Gilberto sente tornozelo, deixa treino mancando e preocupa para domingo

José Victor Ligero - São Paulo,SP

28-07-2016 11:53:53

O centroavante machucou o tornozelo esquerdo ao cair após subir para cabecear a bola sozinho

Gilberto deixou o coletivo mancando ao lado do médico tricolor José Sanchez (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)
Gilberto deixou o coletivo mancando ao lado do médico tricolor José Sanchez (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

O técnico Edgardo Bauza pode ter deixado o treino desta quinta-feira com problemas para compor o time que enfrenta a Chapecoense, no próximo domingo, no Morumbi. Isso porque o centroavante Gilberto torceu o tornozelo esquerdo e deixou o coletivo mancando no CCT da Barra Funda, acompanhado pelo médico do time, José Sanchez. Auro foi outro que saiu da atividade mais cedo. O lateral direito reserva levou um pisão de Michel Bastos.

Contratado na metade do mês, junto ao Chicago Fire, dos Estados Unidos, Gilberto já fez um trabalho com gelo, mas um diagnóstico preciso deve ser divulgado pelo clube nas próximas horas. Após subir sozinho e tentar cabecear a bola, o centroavante já caiu aos gritos, sem ter ocorrido qualquer contato com outro atleta. Na ocasião, Auro já havia abandonado o exercício após uma dividida com Michel Bastos.

Antes dos incidentes, o time titular era integrado por Denis; Bruno, Lugano, Maicon e Carlinhos; Thiago Mendes, Hudson, Kelvin, Cueva e Michel Bastos; Gilberto. A equipe de suplentes iniciou o trabalho com Léo; Auro, Lucão, Lyanco e Mena; João Schmidt, Wesley, Centurión, Daniel e Chavez; Pedro Bortoluzo.

Com Gilberto e Auro de fora, Bauza chamou o garoto Araruna para entrar no lugar do lateral, enquanto Centurion saiu do time reserva para substituir o centroavante. Luiz Araújo, que treinava com jovens das categorias de base, foi convocado para ser o armador dos suplentes.

Auro sofreu pisão de Michel Bastos e também deixou coletivo mais cedo (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)
Auro sofreu pisão de Michel Bastos e também deixou coletivo mais cedo (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

Durante o coletivo, que terminou empatado sem gols, os jornalistas puderam ouvir de longe os gritos do Patón, pedindo para o time principal adiantar a linha de trás e chamando a atenção para a quantidade de erros de passes de ambas as equipes.

Para o confronto de domingo, os únicos desfalques serão o lateral esquerdo Mena, que cumprirá suspensão pelo cartão vermelho recebido diante do Grêmio, e Rodrigo Caio, a serviço da Seleção Olímpica. Dessa forma, Carlinhos e Lugano os substituirão, respectivamente.

Caso Gilberto seja diagnosticado com uma lesão mais grave, Centurión assumiria naturalmente a função de 9. No entanto, o argentino pode fechar contrato de empréstimo com o Boca Juniors nos próximos dias, abrindo as portas para Andres Chavez estrear no São Paulo diante da Chapecoense. Na última terça-feira, Bauza havia sinalizado que o novo atacante faria parte do banco de reservas no domingo.

Nono colocado do Campeonato Brasileiro, com 22 pontos, o Tricolor volta a treinar na manhã desta sexta-feira, novamente no CCT da Barra Funda. O jogo contra a Chapecoense está marcado para domingo, às 11 horas (de Brasília), no Morumbi, pela 17ª rodada do torneio nacional.

Apresentação adiada

Contratado junto ao San Lorenzo pelos próximos três anos, o lateral direito Julio Buffarini chegou a São Paulo na tarde da última quarta-feira e tinha exames médicos e apresentação programados para esta quinta. No entanto, o atleta não conseguiu resolver os trâmites burocráticos no consulado argentino a tempo e, por isso, o clube decidiu adiar a entrevista coletiva, que acontecerá possivelmente nesta sexta após o treino.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?