Entenda por que Carneiro não foi punido da mesma forma que Jean

Marcelo Baseggio - São Paulo,SP

21-03-2019 10:00:26


Após o anúncio de que Jean seria afastado do elenco do São Paulo, muitos torcedores questionaram o fato de Gonzalo Carneiro não ter recebido uma punição igualmente rigorosa quando também protagonizou polêmicas nos bastidores. Depois de abandonar a reunião da última segunda-feira entre comissão técnica e o grupo de jogadores, discordando do treinador interno Vagner Mancini, o goleiro tricolor passará a treinar em horários alternativos no CCT da Barra Funda.

Gonzalo Carneiro também esteve nas manchetes recentemente por aquilo que fez fora das quatro linhas. O atacante uruguaio não se apresentou para a partida contra o Mirassol, na estreia do Campeonato Paulista, mas teve a situação relevada ao se desculpar com a diretoria e admitir que sua atitude não foi correta, embora estivesse insatisfeito com a falta de oportunidades no clube.

Leia mais: Mancini desmente Jean, lamenta reincidência e vê falta de respeito do goleiro

“A diferença entre o Carneiro e o Jean foi que o Carneiro pediu desculpas a partir do momento que foi chamada a sua atenção e pediu para voltar a treinar. Então, por isso que as sanções aplicadas foram diferentes. Estamos em um momento no São Paulo que com muita dificuldade chegamos à próxima fase. Todo mundo sabe da força que o São Paulo tem, a camisa, o peso”, disse Vagner Mancini.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Bastante sincero, o treinador interino do São Paulo também admitiu que o momento conturbado fora das quatro linhas pode influenciar, sim, o desempenho da equipe dentro de campo. A missão de Mancini nos próximos dias vai além de fazer a equipe evoluir em aspectos táticos e técnicos. Ele também precisará blindar o elenco das discussões políticas de atos de indisciplina como os do goleiro Jean.

“Você vive um ambiente totalmente contrário do que um time de futebol deveria ter. Nós sabemos o que está acontecendo na política do clube, na parte técnica, na parte tática, dentro do que a torcida espera. A gente não está fugindo de nossa responsabilidade. A gente entende e é muito importante que todo mundo fale a respeito disso, porque a partir do momento que você encara o problema de frente, as chances de você ultrapassar os obstáculos são maiores”, concluiu.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?