Diniz fala em erro pontual e garante: “Não pode ter medo de ser demitido”

São Paulo, SP

23-09-2020 00:34:31

O técnico Fernando Diniz categorizou a falha na saída de bola que originou o segundo gol da LDU nesta terça-feira como um “erro pontual”. Questionado sobre o risco que seu modelo de jogo oferece, para muitos desnecessário, principalmente em jogos decisivos, o comandante são-paulino lembrou que em um ano no cargo essa foi a primeira lambança do tipo cometida por seus jogadores.

“Hoje foi um erro pontual. Dessa natureza, foi o primeiro erro desde quando cheguei, há um ano. A gente treina muito para que isso não aconteça, mas foi um erro pontual que aconteceu depois de um ano que acabou gerando o gol da LDU. Foi uma anormalidade, não faz parte do padrão”, afirmou Fernando Diniz.


Parte da torcida e imprensa passou a especular a demissão de Fernando Diniz após a derrota acachapante desta terça-feira, no entanto, a diretoria não deve promover mudanças, mantendo o discurso de confiança no trabalho do treinador.

“Aqui no São Paulo você não pode ter medo de ser demitido, tem que trabalhar. Minha posição é de sempre procurar fazer o melhor e lutar até o final, acreditando nas possibilidades que o São Paulo ainda tem”, prosseguiu.

De fato, chances de avançar às oitavas de final da Libertadores o Tricolor ainda possui, mas são pequenas. O time precisa vencer o River Plate, na Argentina, e o Binacional, no Morumbi, além de torcer para que os atuais vice-campeões da Libertadores sejam derrotados pela LDU, que também irá enfrenta-los em território argentino.

“É claro que fica uma situação difícil na Libertadores, mas a gente tem chance. Temos que seguir trabalhando e tentar fazer o melhor para ajudar o São Paulo”, concluiu.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?