"Reforço" do Santos, Sabino projeta 'disputa sadia' entre os zagueiros

São Paulo, SP

05-03-2021 08:00:11

Cria das categorias de base do Santos, o zagueiro Sabino celebrou a sua primeira chance no profissional, enfrentando a Ferroviária no Paulistão. O atleta, inclusive, foi autor do gol do Peixe no empate.

O atleta foi revelado no ano de 2012, mas sofreu com pouco espaço no Alvinegro. A opção do clube foi por um empréstimo para o Coritiba, onde ele jogou duas temporadas.

Agora, Sabino não esconde sua felicidade em poder estrear e poder contribuir com seu clube de formação.

“A ansiedade era muito grande mesmo. Até comentei com amigos nos últimos dias que não estava ansioso, mas na hora que você entra no vestiário não tem como segurar a emoção. Estou aqui desde 2012 sempre batalhando por uma oportunidade. Duas vezes que eu estava para subir acabei me lesionando e passando por cirurgia. As coisas nunca foram fáceis para mim, mas nunca desisti e acredito que fiz uma boa estreia, ainda sendo premiado com um gol. Foi o melhor presente que eu poderia ter, ultrapassando minhas expectativas”, afirmou.

Mesmo com a frustração das lesões, o Sabino somou marcas positivas em seu período no Paraná. No último Campeonato Brasileiro, o defensor foi o atleta do Coxa com mais passes, mais bloqueios e mais rebatidas, além de ser o segundo em gols e desarmes. Os números são do Footstats.

De acordo com o jogador, estas marcas o credenciaram a voltar para a Vila Belmiro com condições de brigar por titularidade.

"O professor Marcelo Fernandes conversou comigo no início da semana e perguntou se eu estava bem para ir ao jogo. Sei que o Holan conversava com o Marcelo e já li notícias mostrando que a nova comissão tinha gostado do meu trabalho. Eu fico muito feliz em saber que eles acreditaram em mim. Minha saída para o Coritiba foi boa para ganhar bagagem. Como eu estava aqui há bastante tempo, muitos já olhavam achando que eu não daria conta no profissional, então pude mostrar em outro clube que estou preparado para vestir essa camisa. Temos grandes zagueiros no elenco e sei que será uma disputa sadia, mas vou brigar por espaço e quero ajudar sempre que for solicitado”, concluiu.

 

 

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?