Marcelo Fernandes diz que Santos está envergonhado: "Foi uma sensação inexplicável"

Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP

09-05-2021 19:22:59


O auxiliar Marcelo Fernandes respirou aliviado ao apito final da vitória do Santos por 2 a 0 sobre o São Bento neste domingo, na Vila Belmiro.

O interino assumiu o Peixe com a saída de Ariel Holan e teve a responsabilidade de evitar o rebaixamento. Se perdesse, o Alvinegro cairia para a Série A-2 do Campeonato Paulista.

O novo técnico Fernando Diniz será apresentado nesta segunda-feira e estreará diante do Boca Juniors (ARG) na terça, pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores da América.

"Me dedico muito, eu e estafe. Me orgulho muito porque todas as vezes que somos chamados damos conta do recado, sempre respeitando o profissional. Cuca, Ariel e será a mesma coisa com o Fernando Diniz. Não estamos felizes, todo futebol profissional sabe que fomos abaixo no Campeonato Paulista. Não podemos comemorar, estamos até envergonhados. Foi uma sensação inexplicável. Estive sentado aqui campeão há seis anos, hoje foi diferente. Lugar que amo, que nasci. Possibilidade que nunca pensei de acontecer o pior. Não ocorreu e agradeço aos meninos. Santos é forte, é grande e segundo algumas vezes. Na segunda jamais", disse.

"A partida era de responsabilidade enorme, mas todos os jogadores são responsáveis e profissionais ao extremo. Não importa se tem 16 ou 35. Todos focados. Tentamos de todas as formas tirar a carga deles, fazer treinos leves. Não era momento de entupir jogador de um monte de coisa. Muita pressão e dados não são possíveis agora. E dias são maravilhosos, CT, vestiário. Dias maravilhosos e só quero agradecer", completou.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?