Carlos Sánchez sente incômodo na coxa e será reavaliado no Santos

São Paulo, SP

14/08/22 | 21:37

Além da derrota por 1 a 0 frente ao América-MG, na noite deste domingo, Lisca, técnico do Santos, ganhou mais um motivo para se preocupar. O meia Carlos Sanchéz, de 37 anos, sentiu dores na coxa esquerda durante a partida e será reavaliado durante a semana.

Carlos Sánchez vem tendo boas aparições e voltou a ser figura carimbada entre os titulares do Peixe, posto que tinha perdido recentemente. O jogador tem contribuído com bons passes e começou da mesma forma contra o Coelho, mas, durante o jogo, diminuiu o ritmo.

Segundo o que o técnico Lisca disse em coletiva de imprensa, as dores que o atleta sentiu durante o jogo explicam isso. Sánchez foi para o intervalo já sentindo o incomodo e combinou com o treinador de jogar por mais 10 ou 15 minutos. Aos 12 do segundo tempo, então, o camisa 7 deu lugar a Sandry.


''Ele estava com um desconforto já no intervalo. A gente conversou para ele tentar pelo menos mais uns 10 ou 15 minutos. Ele concordou, mas depois eu vi que ele já estava com muita dificuldade de recomposição e articulação'', explicou Lisca.

Com Sánchez como dúvida para o próximo jogo, o treinador espera ter todos os seus quatro reforços à disposição. Nathan e Luan já estão regularizados, enquanto Soteldo e Carabajal ainda precisam aparecer no BID da CBF. O duelo seguinte do Peixe será frente ao rival São Paulo, na Vila Belmiro, às 18h (de Brasília) do próximo domingo.

Deixe seu comentário