Acordo com Oswaldo foi decisivo para Santos pagar salários antecipadamente

Tiago Salazar e Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP

02-10-2020 06:00:08

O Santos pagou os salários na CLT para elenco, comissão técnica e funcionários na última quinta-feira, com quatro dias úteis de antecedência.

O Peixe ainda não quitou direitos de imagem, até porque essa forma de pagamento não ocorre mensalmente e é realizada com apenas parte do elenco profissional.

Para poder transferir os vencimentos e surpreender os colaboradores, o Alvinegro fez um acordo com o ex-técnico Oswaldo de Oliveira na última terça-feira.


O presidente em exercício Orlando Rollo contatou Oswaldo e convenceu o treinador a retirar o pedido de bloqueio das contas do Santos após a ação no valor de R$ 2,1 milhões por verbas trabalhistas. Houve um acordo para pagamento parcelado a partir de 2021.

Com o desbloqueio no caixa, o Peixe conseguiu rodar a folha salarial. Rollo assumiu o Alvinegro com R$ 7 milhões disponíveis. Outros R$ 3 milhões estão garantidos pelo contrato da Turner, mas ainda não à disposição.

"Assumi há algumas horas e já renegociamos com Oswaldo de Oliveira. E vamos renegociar todas, conversar com todos. Nossa equipe tem especialistas em renegociação. É gestão de transição focada nisso", disse o presidente Orlando Rollo, horas depois de assumir o clube na terça-feira.

O Comitê de Gestão de José Carlos Peres emitiu uma nota sobre os "R$ 10 milhões" na última quarta-feira.

"O Comitê de Gestão do Santos Futebol Clube, legalmente eleito e aprovado pelo egrégio Conselho Deliberativo, esclarece que antes do afastamento provisório do então presidente do Comitê de Gestão, José Carlos Peres, decidido em reunião virtual do Conselho Deliberativo, que aprovou o parecer da Comissão de Inquérito e Sindicância, foi deixada a quantia de R$ 7 milhões em caixa, destinados para folha de pagamento e o reembolso da redução salarial dos atletas em meio à quarentena. Esses recursos foram provenientes da venda de jogadores (Everson e Eduardo Sasha) e receitas diversas, mais R$ 3 milhões provisionados do contrato da Turner. Um total de R$ 10 milhões. Esperamos que esses recursos tenham o emprego conforme planejado (folha + reembolso)".

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?