Aranha exalta campanha da Ponte e afirma desejo de permanecer em 2017

São Paulo, SP

02-11-2016 14:13:57

A Ponte Preta surpreendeu a muitos no Campeonato Brasileiro de 2016 e, a cinco jogos do encerramento do torneio, já aparece sem risco de rebaixamento na tabela de classificação. Ciente da ótima campanha da Macaca, que se encontra na 10ª colocação, com 45 pontos, o goleiro Aranha enalteceu o trabalho do elenco em toda a temporada.

“Eu estou feliz, tranquilo, porque em um campeonato tão disputado como esse, que envolve milhões, a Ponte, com sua humildade, determinação e vontade está passando um ano tranquilo. Entrando em novembro só com o pensamento em ganhar e não com preocupações maiores. Daqui para frente só temos coisas boas para buscar”, exaltou o arqueiro.

A posição intermediária na tabela, porém, não impede a Ponte Preta de sonhar. Por isso, Aranha projeta um bom aproveitamento nas rodadas finais para que a Macaca possa tentar uma campanha ainda melhor e uma possível vaga na Libertadores.

“Eu espero que o time dê uma arrancada e vença todos os jogos que restam. Mas é difícil. O campeonato é muito equilibrado. Equipes que brigavam pelo rebaixamento, hoje brigam pelo G3. Está um campeonato interessante, aberto ainda, apesar do Palmeiras ter uma certa vantagem. Mas acho que a Ponte pode chegar bem na frente. Passar a campanha que tem feito desde o inicio dos pontos corridos. Pensamento só com coisas boas”, afirmou.

Contente com o momento, Aranha já projetou a temporada de 2017 e afirmou querer permanecer no elenco da Ponte Preta. "Se nós renovarmos eu ficarei muito feliz. Não vim para cá com o pensamento de sair e sim de ficar. Já tive as experiências que acredito que teria que ter tido, conquistei o que era para se conquistado. Aqui me sinto em casa, sou feliz aqui e que isso se confirme”, completou.

Tentando surpreender ainda mais na reta final do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta entra em campo no próximo sábado para medir forças com o Santos, em jogo marcado para as 21h(de Brasília), no Moisés Lucarelli.

Deixe seu comentário