Palmeiras repudia briga entre torcedores fora do estádio do Coritiba

São Paulo, SP

12/06/22 | 23:36

O Palmeiras usou suas redes sociais neste domingo para repudiar a briga entre torcedores do clube e do Coritiba durante a vitória paulista por 2 a 0, nos arredores do estádio Couto Pereira, em Curitiba. A partida precisou ser paralisada por alguns minutos por conta dos efeitos do spray de pimenta utilizado pela polícia para conter a confusão.

"A Sociedade Esportiva Palmeiras repudia as cenas de violência ocorridas do lado de fora do Estádio Couto Pereira, em Curitiba, neste domingo. Não podemos tolerar que brigas afastem as famílias do ambiente do futebol. Esperamos que as autoridades competentes apurem os fatos para que episódios como este não se repitam", escreveu o clube.

Segundo o repórter Osmar Garraffa, da TV Gazeta, que está em Curitiba, um torcedor do Palmeiras está hospitalizado em estado grave.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Na transmissão da partida, de responsabilidade do canal Premiere, foi possível ver torcedores na arquibancada e jogadores, tanto no aquecimento quanto no gramado, levando camisetas e mãos à boca e ao nariz.

Isso porque a polícia precisou utilizar spray de pimenta para conter a confusão, o que acabou interferindo dentro do estádio. Algumas pessoas, inclusive crianças, precisaram ser retiradas do local (atrás do gol de Rafael William).

Com o resultado, o Palmeiras chegou aos 22 pontos e retomou a liderança do Campeonato Brasileiro, em um estádio onde não vencia há 25 anos.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário