Fabiano evita euforia com momento do Verdão e prevê dificuldades no clássico

Daniel Chiesa Gelbaum* - São Paulo,SP

26-10-2016 19:13:59

Titular do Palmeiras nas últimas três partidas – contra Figueirense e Sport, pelo Campeonato Brasileiro, e contra o Grêmio, pela Copa do Brasil – o lateral direito Fabiano prega pés no chão na reta final da temporada. Com o título brasileiro cada vez mais perto, o jogador descarta pensar na conquista e garante que o foco está no próximo compromisso, o clássico contra o Santos.

"Num momento como esse é pensar jogo a jogo. Sabemos que temos vantagem, mas que todo mundo vai querer ganhar da nossa equipe. Temos um clássico pela frente. Ainda mais jogando fora de casa, é sempre difícil. Contra uma equipe qualificada. Sabemos que precisamos fazer uma grande partida para conseguirmos os três pontos. Nossa equipe está muito focada, principalmente nos treinos. O professor vem passando bastante coisa para a gente para que possamos comemorar lá na frente. Agora é jogo a jogo", avaliou.

 

 

O lateral direito palmeirense, que prevê dificuldades na partida do próximo sábado, às 19h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, tem a receita para sair de campo com mais uma vitória: manter o foco. Como o mando do jogo é do Santos, o estádio terá apenas torcedores santistas.

"Sempre continuei trabalhando, mesmo sabendo das críticas, nunca abaixei a cabeça. Sabia que a qualquer momento podia ser chamado de novo. Consegui fazer bons jogos nas últimas oportunidades. É manter os pés no chão, estamos num momento crucial, temos um clássico pela frente. É continuar com o foco, o trabalho que vem sendo feito, para fazer uma grande partida", declarou.

Com a temporada chegando ao fim, Fabiano reconheceu que os jogadores sofrem com o desgaste, mas exaltou as peças de reposição do elenco palmeirense. Apesar da eliminação na Copa do Brasil, o lateral direito destacou a semana livre para treinos antes do importante clássico contra o Santos.

"Há desgaste, é uma competição longa, tivemos a Copa do Brasil. Com essa eliminação da Copa do Brasil, mesmo assim fomos aplaudidos. Quem teve oportunidade fez grande partida. Temos de levar o lado bom, vamos ter uma semana cheia de trabalho, vamos conseguir recuperar os atletas. Sabemos que há um desgaste físico grande, mas nessa reta final vale sacrifício, se cuidar, descansar bem. Os treinamentos vão continuar intensos, continuamos com isso, cada um buscando seu espaço e respeitando o companheiro que tem oportunidade", concluiu.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Deixe seu comentário