Badalado, Palmeiras quer provar força: "Não adianta só ficar falando"

José Victor Ligero - São Paulo,SP

25-05-2016 13:00:40

O Palmeiras começou 2016 sendo considerado por imprensa e torcida como postulante a todos os títulos que disputaria na temporada, amparado no grande número de reforços que adquiriu recentemente. No entanto, a expectativa não se cumpriu e a equipe ficou pelo caminho na principal competição do ano: a Copa Libertadores da América, nem sequer passando da fase de grupos. Ainda no primeiro semestre, o clube trocou de técnico, mas Cuca também não conseguiu consertar os erros de Marcelo Oliveira a tempo de erguer o troféu do Campeonato Paulista, torneio do qual foi eliminado nas semifinais para o rival Santos.

O badalado Alviverde ainda tem o Campeonato Brasileiro, que não conquista desde 1994, e a Copa do Brasil, em que defende o título, para mostrar que a força de seu elenco não está só no papel.

"Se for olhar o banco do jogo passado, tenho certeza que pode disputar o campeonato, e vai disputar bem. São jogadores que foram revelações do campeonato, eram titulares em outros clubes. É um elenco forte. Temos de por em prática, não adianta só ficar falando que é forte", pediu Dudu, referindo-se à opinião do companheiro Alecsandro, de que o banco de reservas palmeirense disputaria a taça da Série A de igual para igual com outras equipes consideradas favoritas.

Após uma estreia em que encheu a torcida palestrina de esperança - 4 a 0 sobre o Atlético-PR -, o Verdão foi surpreendido pela Ponte Preta, no último sábado, quando perdeu por 2 a 1 após uma fraca atuação, gerando novas dúvidas em relação ao numeroso elenco de 33 jogadores - já descontando Régis, com empréstimo encaminhado ao Bahia. O discurso agora é de passar uma borracha no jogo de Campinas e vencer o Fluminense, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em São Paulo, para voltar à parte de cima da tabela do Brasileirão.

Recuperado de lesão, Dudu quer retomar vaga no time titular do Verdão (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)
Recuperado de lesão, Dudu quer retomar vaga no time titular do Verdão (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

"Em casa, o Palmeiras é muito forte. Temos de entrar tranquilos, esquecer o jogo da Ponte. Já passou, não tem como voltar, temos de pensar na vitória para voltar à ponta da tabela", ressaltou o camisa 7, recuperado de uma lesão na coxa direita e que busca retomar a titularidade no time de Cuca.

"Eu tenho de mostrar para ele (Cuca). Ele chegou agora, não sabe os jogadores que tem, tem pouco tempo de trabalho. Tenho de mostrar no dia a dia aqui. Todos sabem que tenho capacidade para ser titular, mas se não for, vou respeitar o Cuca, os companheiros, para quando eu entrar fazer o que eu fiz contra o Corinthians, para ajudar o Palmeiras", finalizou o autor de 19 gols com a camisa alviverde.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Palmeiras?