Análise: Palmeiras apresenta irregularidade com time misto em empate com Avaí

Redação - São Paulo,SP

27/06/22 | 07:00 - 26/06/22 | 22:31

Por: Guilherme Goya

O Palmeiras poderia ter ampliado a vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro neste domingo. Contudo, o empate em 2 a 2 com o Avaí manteve a distância para o vice-líder Corinthians em três pontos. Com calendário apertado, o Verdão foi a campo com time misto e teve atuação irregular.

Abel Ferreira voltou a comandar a equipe depois de ficar afastado dos últimos dois jogos por causa da covid-19. Da área técnica, ele viu a sua equipe fazer uma apresentação pouco inspirada no primeiro tempo.

O Palmeiras até chegou com perigo logo aos cinco minutos, em cabeceio de Rafael Navarro, que colocou Vladimir para trabalhar. No decorrer do jogo, porém, a equipe teve dificuldades para chegar com qualidade ao ataque. Com Mayke e Jorge nas laterais, o Verdão explorou pouco a linha de fundo. Scarpa também articulou pouco as jogadas entre meio e ataque. No setor ofensivo, Wesley era quem criava as principais jogadas.

Pouco agressivo, o Palmeiras viu o Avaí crescer na reta final do primeiro tempo. O time da casa assustou com finalização de Eduardo, aos 42, e abriu o placar no último lance antes do intervalo. Aos 50, Gustavo Gómez cometeu pênalti bobo em cima de Raniele, que sairia com bola e tudo pela linha de fundo. Na cobrança, Bissoli converteu e colocou os catarinenses em vantagem.

Abel não fez alterações para a segunda etapa, mas o Palmeiras chegou rapidamente ao empate na mesma moeda. Logo no primeiro minuto, Zé Rafael tentou a finalização dentro da área, e Bressan fez o corte com o braço. O árbitro deu pênalti, e Gustavo Scarpa empatou o jogo na cobrança.


O gol empolgou a equipe palmeirense, que passou a evoluir no jogo. Wesley quase virou o jogo aos quatro minutos, mas viu a finalização passar raspando a trave. Depois, aos 16, Rafael Navarro desperdiçou uma grande oportunidade e mandou por cima. Pouco antes disso, Abel já tinha colocado Raphel Veiga e Rony nas vagas de Scarpa e Breno Lopes. Com poucos minutos em campo, o camisa 10 foi decisivo.

Aos 20 minutos, Wesley fez excelente jogada individual pelo lado esquerdo, invadiu a área e tocou na medida para Rony, que apareceu nas costas da zaga e empurrou para o gol, colocando o Palmeiras em vantagem. Desta vez, porém, a equipe não conseguiu ampliar o placar e aproveitar o momento favorável.

Assim, permitiu que o Avaí voltasse ao jogo até chegar ao gol de empate. Aos 26 minutos, Mayke cometeu falta em cima de Morato na entrada da área. Jean Pyerre foi para a cobrança e anotou um golaço para igualar o placar mais uma vez.

Na reta final, o Palmeiras voltou a ter mais volume ofensivo e assustou na bola aérea. A última oportunidade surgiu aos 44, quando Rony completou cruzamento de Atuesta, mas Vladimir fez excelente defesa e garantiu o empate.

Em meio à maratona de jogos que o Palmeiras vai encarar, o Verdão apresentou irregularidade com o time misto. Reservas como Jorge, Breno Lopes e Rafael Navarro não conseguiram aproveitar a oportunidade. Ainda assim, o empate manteve a vantagem na liderança do Brasileirão.

A equipe de Abel Ferreira volta a campo nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília). O Verdão visita o Cerro Porteño pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores.

Deixe seu comentário