Abel diz que elenco curto é uma opção sua e se preocupa com os próximos meses

São Paulo, SP

21-04-2022 07:00:56

Nesta quarta-feira, o Palmeiras empatou sem gols com o Flamengo, no Maracanã, em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Na entrevista coletiva, Abel Ferreira voltou a externar sua preocupação com a condição física do elenco a longo prazo.

O treinador, no entanto, fez questão de deixar claro que o grupo de jogadores é enxuto por decisão sua, destacando que a comissão tem à disposição duas opções por posição.

"Nós fomos a equipe que começou mais cedo nesta temporada, que mais intensa entrou nesta temporada, que já ganhou alguma coisa na temporada. Não sei como vai ser no decorrer da temporada, o que vai acontecer. Sim, temos um elenco curto, por opção minha. Sim, queríamos outras alternativas, e o clube não conseguiu encontrar, por várias razões. Agora, temos dois jogadores por posição, temos 24 jogadores. Dois por posição, mais os moleques da formação que têm nos ajudado", disse o treinador.


Abel sabe que terá que estudar a fundo a gestão de enrgia que será aplicada até o final do ano. A temporada será novamente encurtada, desta vez por causa da disputa da Copa do Mundo, entre novembro e dezembro.

"O problema não é jogar oito a nove jogos por mês em um mês. O problema é até novembro. O problema não será agora e no próximo mês. Logo depois de sermos campeões paulistas, disse que não sei como vamos estar daqui a dois meses, com a quantidade de jogos que temos, com as viagens que temos", afirmou Abel.

"Nós gostamos muito de recorrer ao Núcleo de Saúde e Performance, a quem estudou e estuda sobre essa parte física, e não há milagres. Nós não somos máquinas, e mesmo as máquinas têm problemas, quanto mais os jogadores. Vamos continuar a rodar algumas posições-chave, mas sabemos que alguns jogadores são influentes na dinâmica coletiva da equipe, vamos procurar recuperá-los o mais rápido possível", finalizou.

Para o primeiro semestre, o Verdão trouxe cinco reforços: Marcelo Lomba, Murilo, Jailson, Atuesta e Rafael Navarro. O grande objetivo do clube era contratar um centroavante de peso, porém esbarrou em diversos obstáculos, como a desvalorização do real em relação a moedas estrangeiras.

Com o resultado, o Palmeiras chegou aos dois pontos, na 15ª posição. O time volta a campo no sábado, contra o Corinthians, na Arena Barueri, às 19h (horário de Brasília), em jogo válido pela terceira rodada.

Deixe seu comentário