Bressan vibra com boa atuação, mas diz que a trocaria pela classificação

Eduardo Bertuol - Porto Alegre,RS

25-08-2017 21:29:49

O zagueiro Bressan conversou com a imprensa depois do treino desta sexta-feira no CT Presidente Luiz Carvalho. Durante a entrevista, o atleta falou sobre a eliminação na Copa do Brasil e destacou que o ano gremista ainda não terminou.

O jogador teve a missão de substituir Pedro Geromel na partida contra o Cruzeiro pela Copa do Brasil e conseguiu suprir a ausência do companheiro com uma boa atuação. Para isso, o atleta contou com o apoio da torcida e dos colegas de campo.

“Fiquei muito feliz e contente com todo o apoio e carinho que recebi em redes sociais e na rua. Era algo que eu me cobrava muito, em poder voltar atuar em jogos importantes num nível bom. Procuro sempre trabalhar para aperfeiçoar e melhorar. Preciso também ressaltar a confiança do grupo e da Comissão, que sempre esteve ao meu lado e me apoio. Acho que isso é uma coisa muito boa no nosso grupo, pois não existe vaidade. Quando um jogador sai, o outro apoia da melhor maneira possível. O Geromel, Kannemann, Thyere me deram forças. Dedico muito a eles a minha atuação, mas trocaria qualquer tipo de atuação pela nossa classificação. Infelizmente não aconteceu, nós temos que levantar a cabeça e buscar essa Libertadores e o Brasileiro. O ano ainda não acabou, temos muita coisa para frente”, ressaltou.

O zagueiro ressaltou que a equipe pode aprender com os erros e alertou que é preciso manter o foco. “É importante sofrer. O sofrimento traz lições e nós temos que procurar utilizar essas lições nos momentos decisivos. O mais importante é que a nossa equipe está com a cabeça completamente voltada para a Libertadores e o Brasileiro. Sabemos da nossa grandeza e a força que temos. A gente sabe que coisas boas nos esperam”, afirmou. “A gente sabia que seria um jogo de extrema dificuldade. A gente fica chateado com a eliminação, mas no futebol não há tempo para lamentar. Temos que seguir, levantar a cabeça e ver que temos competições importantes durante o ano e pensamos bastantes nelas, destacou.

Bressan revelou que teve propostas para deixar o Tricolor Gaúcho, mas que sempre manteve foco no clube. “Eu tive algumas propostas para poder sair, mas o meu pensamento sempre foi ficar aqui. Eu tenho um carinho muito grande pelo Grêmio, que apostou em mim quando eu tinha 19 anos. Passei por momentos muito bons aqui dentro. Cresci como atleta, me dou bem com todos e sinto prazer em estar aqui. Então, em nenhum momento eu tive esse pensamento de sair daqui. Meu coração, minha cabeça sempre estiveram aqui. Agora mais do nunca, tenho certeza que vamos passar por este momento e vamos buscar o que todos estão almejando, títulos. É algo que o Renato fala, só fica na história quem se sagra campeão, a gente tem essa possibilidade ainda este ano e vamos lutar com todas as nossas forças para poder agarrar”, contou.

O elenco gremista retorna aos treinos na manhã desta segunda-feira, no CT Luiz Carvalho. Na quarta-feira, com um time alternativo, o Grêmio encara o Cruzeiro no estádio Mineirão, pelas quartas de final da Primeira Liga.

 

Deixe seu comentário