Nino, do Fluminense, mantém posição sobre volta do Campeonato Carioca

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

01-07-2020 16:42:52

O Fluminense voltou ao Campeonato Carioca mesmo sendo contrário à decisão. O resultado do pouco tempo de preparação foi a derrota para o Volta Redonda no fim de semana. O zagueiro Nino mantém a posição contrária aos jogos e atacou o protocolo da Ferj para o retorno do Estadual.

"O protocolo em si deixa brechas. Os jogadores do Volta Redonda já tinham sido testados e chegaram para o jogo infectados. Assim como a gente pode vir no começo da semana, testar negativo, e durante a semana pegar e estar treinando normal, depois vai para o jogo. Então, o protocolo em si não é 100% seguro. Eu entendo que as pessoas querem nos dar uma segurança, mas essa segurança não existe. A segurança é ficar em casa neste momento", disse à Flu TV.

Antes da partida, três jogadores do Volta Redonda testaram positivo para covid-19 e foram afastados. Nino adiantou que saber deste fato não foi a razão para a má atuação dos tricolores.

"A gente também deixou claro que ia respeitar a decisão que fosse tomada, e a decisão foi que a gente entrasse em campo. Então, no momento do vestiário, nada disso passava na nossa cabeça. O foco era todo no jogo e isso em momento nenhum nos atrapalhou ou nos deixou em dúvida sobre o estado físico dos jogadores do Volta Redonda, se era seguro ou não. O foco e o pensamento estavam no jogo, como em todos os jogos, sempre estiveram no momento em que a gente entra no vestiário", declarou.

Foto: Divulgação/Fluminense

O Fluminense se prepara para enfrentar nesta quinta-feira o Macaé, em Bacaxá. Os tricolores vão em busca da recuperação para assegurarem a liderança do grupo B para as semifinais da Taça Rio.

Deixe seu comentário