Diretor nega saída de Léo, pede tempo a Bento e não descarta novos reforços

Do correspondente Gustavo Aleixo - Belo Horizonte,MG

05-07-2016 18:16:28

Léo esteve na mira do Santa Cruz, mas deve permanecer na Toca (Washington Alves/Light Press)
Léo esteve na mira do Santa Cruz, mas deve permanecer na Toca (Washington Alves/Light Press)

Sem espaço no elenco, principalmente após a chegada de Paulo Bento, com que jogou apenas uma partida, o zagueiro Léo entrou na mira do Santa Cruz, que pretendia contar com o jogador por empréstimo. O defensor, porém, não deixará a Toca da Raposa, mesmo sendo, atualmente a última opção da comissão técnica para a zaga.

De acordo com o diretor de futebol do Cruzeiro, Thiago Scuro, o desejo da cúpula cruzeirense é que Léo permaneça, até pelo perfil de liderança do zagueiro, que já acumula 202 jogos pelo clube. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, o dirigente ainda salientou o início das tratativas pela renovação contratual do defensor, que tem vínculo até o fim deste ano com a Raposa.

“O Léo não está em negociação, tem história vitoriosa no Cruzeiro, é identificado com a torcida. Independentemente de atuar ou não, é uma liderança positiva no vestiário, tem exercido esse papel. Já tem uma sinalização do presidente (para renovação), todas as especulações não procedem. Direção e Léo estão tranquilos”, colocou Scuro, que ainda comentou sobre a opção de Paulo Bento de deixar Léo no banco.

“Temos muito respeito pelo trabalho do treinador, entendemos o torcedor. No domingo, tivemos a mostra de como o Cruzeiro é grande, 45 mil torcedores presentes. Infelizmente, não veio o resultado. O que todos precisamos fazer é trabalhar ainda mais: eu, Paulo Bento e os jogadores também, para terem oportunidades. Não nos incomoda o trabalho do Paulo Bento, mas estamos ao lado do Léo”, completou.

No que diz respeito ao atacante Douglas Coutinho, também sem espaço no clube, Scuro admitiu sondagens de outros clubes, porém salientou que a saída do jogador dependerá de uma decisão conjunta da diretoria e comissão técnica.

Em meio à pauta sobre negociações, Scuro não descartou novos reforços, apesar de elogiar o atual elenco, e também destacou a confiança da diretoria no trabalho de Paulo Bento, pedindo que a torcida tenha paciência com o técnico português. Sobre a regularização de Ábila e Rafael Sóbis, o diretor destacou o esforço feito pelo clube para deixar ambos os atletas à disposição da comissão técnica até a próxima sexta-feira.

Confira outros trechos da entrevista coletiva de Thiago Scuro:

Mais reforços?

“Estamos sempre trabalhando para suprir as necessidades do elenco, para formar o elenco mais forte. A janela está aberta até dia 19 de julho, movimentação no Brasil vai até outubro. Se o Cruzeiro entender que precisa continuar se reforçando, vamos buscar novos nomes.”

Elenco e tempo para Paulo Bento

“Acho que é um elenco equilibrado, considerando a exigência da competição. Precisamos de tempo. A decisão de trazer treinador de fora, todos tínhamos a certeza da necessidade de dar tempo, qualquer treinador que assumisse o Cruzeiro precisaria de tempo. Nas duas semanas que esta comissão teve de treino, mostrou melhora, mais entrosamento. Com os reforços e os jogadores que aqui estão e com o trabalho da comissão técnica, que terá mais tempo, temos a convicção de que conseguiremos colocar o Cruzeiro para brigar pela Libertadores, pelas primeiras colocações do Brasileiro. Nos incomoda muito estarmos distantes hoje, mas temos a convicção que vamos melhorar.”

Ábila e Sóbis

“Estamos trabalhando para que eles estejam no BID até sexta-feira, para segunda estarem à disposição do Paulo Bento. Mas é importante ressaltar que são jogadores que precisam de um tempo para jogar, precisam de um trabalho maior. Não estão prontos para chegar e jogar, pois isso na frente pode causar algum problema mais importante.”

Deixe seu comentário