Cabral reconhece pouco tempo para melhora, mas acredita em time mudado contra o Santos

Do correspondente Marcellus Madureira - Belo Horizonte , MG
16/08/2019 23:16:32

Em: Bastidores, Brasileiro Série A, Campeonatos, Cruzeiro
Ariel Cabral falo da tranquilidade que Ceni levou para o Cruzeiro (foto: Washington Alves/Light Press)

A estreia de Rogério Ceni já será justamente contra o Santos, líder do Campeonato Brasileiro. O duelo que ocorrerá no Mineirão, neste domingo, às 16h (de Brasília), exatamente no sexto dia do novo treinador com a camisa cinco estrelas. Com tão pouco tempo trabalhando com os atletas, o volante Ariel Cabral reconhece que não foi possível trabalhar como deveria, mas espera um grupo mudado.

“Claro que o tempo é muito curto, mas a gente está trabalhando para fazer o nosso melhor jogo, porque precisamos da vitória, e disso todo mundo sabe. Acho que algumas mudanças vão acontecer no domingo”, destacou.

Após três anos com o técnico Mano Menezes, o elenco tinha um desgaste com o treinador e o trabalho foi ficando ruim com o tempo. Cabral reconhece que talvez a chegada de um novo treinador pode contribuir para o crescimento da equipe.

“Acho que pode ser. A gente está precisando disso. Tivemos muito tempo sem mudança de treinador e, com coisas novas, sabe? Você estava acostumado a fazer umas coisas e, agora, muda. Tomara que seja bom para o Cruzeiro já ter, no domingo, uma outra cara”, acrescentou.

Os primeiros dias de Rogério no Cruzeiro foram de muito trabalho, mas também sempre com momentos de descontração. Cabral ressalta que o novo comandante levou tranquilidade a Raposa.

Muito bom (o ambiente). Ele trouxe muita tranquilidade, confiança para nós. A gente tem que pegar isso como uma mensagem dele de motivação. Temos que mostrar no domingo para conseguir a vitória. Estamos precisando disso”, finalizou.