Gustavo Silva atua como ala em classificação do Corinthians e explica orientações de Vítor Pereira

Marina Bufon - São Paulo,SP

12-05-2022 01:28:21

O técnico Vítor Pereira resolveu mudar bastante a estrutura do Corinthians na noite desta quarta-feira, Na Neo Química Arena, e deu certo. A equipe venceu a Portuguesa-RJ por 2 a 0 e avançou na Copa do Brasil, passando para as oitavas de final, com adversário ainda a ser definido.

Uma das alterações foi Fábio Santos mais recuado como um zagueiro, ao lado de Robson Bambu e João Victor, enquanto Gustavo Silva atuou como ala pela direita.

"O Vítor Pereira pediu para que eu atuasse em uma posição diferente, mas fico feliz pelo desempenho e pela classificação da equipe. É uma função nova, que eu preciso evoluir e aprender, mas tenho certeza que ele vai me mostrar o caminho no dia a dia e vou evoluir", disse o jogador na zona mista, após a vitória.


Mosquito também comentou o processo que o levou a jogar na posição. "Foi um pouco de treino, mas também não pode aumentar muito a carga. É também um pouco na conversa de vídeo que ele mostra pra gente. Temos que assimilar bem, porque não temos muito tempo".

O treinador também falou sobre as modificações durante a coletiva de imprensa, afirmando que é possível fazer algumas alterações na estrutura, mas os comportamentos precisam ser os mesmos.

“Nós mudamos a estrutura, aquilo que trabalhamos durante a semana, mas os comportamentos são os mesmos. As combinações têm um fio condutor mais ou menos idêntico. Podemos mudar o sistema. (...) Nós trabalhamos em um sistema 4-3-3 e hoje seria 3-4-3, porque prometemos largura total, em qualquer altura, em uma equipe que se feche, temos sempre um homem aberto, para inverter. Fundamentalmente, colocar o Adson e Giuliano para jogar por dentro, o Gustavo é mais vertical, o Piton tem qualidade para frente. Para não desgastar tanto o Fábio, colocamos mais para trás. O jogo posicional permite isso, jogar por dentro, por fora", comentou.

Esquecendo um pouco a Copa do Brasil, o Corinthians tem dois compromissos importantes na sequência: primeiro contra o Internacional, no sábado, às 19h (de Brasília), no Beira-Rio, pela sexta rodada do Brasileirão. Já na terça, às 21h30 (de Brasília), visita o Boca Juniors, na Bombonera, pela Libertadores.

Deixe seu comentário