Chefe do departamento médico do Corinthians pede desligamento por questões pessoais - Gazeta Esportiva
Chefe do departamento médico do Corinthians pede desligamento por questões pessoais

Chefe do departamento médico do Corinthians pede desligamento por questões pessoais

Gazeta Esportiva

Por Redação

20/02/2024 às 14:39 • Atualizado: 20/02/2024 às 14:51

São Paulo, SP



Dr. Fábio Novi, que vinha atuando como chefe de departamento médico do Corinthians, pediu desligamento do cargo para resolver questões pessoais. A informação foi passada pelo próprio clube, via assessoria de imprensa.

"Gostaria de agradecer a todos no clube, em especial ao presidente Augusto Melo e ao diretor de futebol Rubens Gomes, pela oportunidade de retornar a esta instituição enorme, mas preciso me afastar para cuidar de problemas particulares”, afirmou o médico.




Novi foi contratado logo quando Augusto Melo assumiu a presidência do Corinthians, na virada do ano. O médico estava trabalhando no São Paulo antes de aceitar o convite do Timão.

No começo de janeiro, o clube já havia comunicado o desligamento de Bruno Mazziotti, que vinha atuando como chefe do núcleo de saúde e performance.


Veja a nota do Corinthians sobre a saída do Dr. Fábio Novi:


Na manhã desta terça-feira (20), o Dr. Fábio Novi solicitou o seu desligamento do cargo de responsável pelo departamento médico da equipe principal masculina de futebol do Corinthians para resolver questões pessoais.


“Gostaria de agradecer a todos no clube, em especial ao presidente Augusto Melo e ao diretor de futebol Rubens Gomes, pela oportunidade de retornar a esta instituição enorme, mas preciso me afastar para cuidar de problemas particulares”, afirmou o médico.
O Corinthians agradece ao profissional pela contribuição ao clube e deseja sucesso na sequência profissional.




Conteúdo Patrocinado