Apesar de relação fria com VP, Fagner deve ser titular em decisão contra Atlético-GO

Tiago Salazar - São Paulo,SP

16/08/22 | 21:24 - 16/08/22 | 22:05

O ambiente interno do Corinthians está quente às vésperas de outra decisão, desta vez pela Copa do Brasil, diante do Atlético-GO, pela volta das quartas de final e precisando reverter um marcador de 2 a 0.

Segundo fontes ouvidas pela Gazeta Esportiva, a relação entre o lateral direito Fagner e o técnico Vítor Pereira não é das melhores, vista como "fria" por quem acompanha o dia a dia do clube.

Ainda que a relação seja distante, VP deve escalar o jogador como titular contra o Dragão. Rafael Ramos, outra opção para a vaga, será baixa por problema médico. Léo Mana, do sub-20, foi chamado para compor elenco no treino e deve ser relacionado também, mas deve ficar entre os reservas.


Os principais motivos da insatisfação de Fagner em relação ao treinador são o rodízio imposto pela comissão técnica, que não se limita só a ele; seu posicionamento mais recuado em campo, sem tanta liberdade de subir ao ataque, e a forma de VP se relacionar, "sem dar muita satisfação" de suas decisões.

Anteriormente, a reportagem já havia adiantado que alguns medalhões estariam insatisfeitos com a forma de se relacionar do treinador. Ainda assim, a diretoria dá total respaldo ao profissional.

Na última segunda-feira, conforme apurado pela Gazeta, o técnico optou por deixar Fagner entre os reservas, enquanto Léo Mana atuou com os prováveis titulares da partida desta quarta. Não há maiores informações sobre a atividade desta terça-feira - veja aqui como foi.

Ainda assim, VP espera contar com o profissionalismo de Fagner, que, como já mencionado, deve ser o titular. Ele foi o escolhido para substituir Rafael Ramos quando ele sentiu um problema físico na derrota para o Palmeiras, no último sábado.

Vale mencionar, porém, que Fagner errou ao tentar inverter uma bola no lance que originou o gol do arquirrival, que venceu por 1 a 0.

O Corinthians enfrenta o Atlético-GO nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), pela volta das quartas de final da Copa do Brasil. O time precisa vencer por três gols para avançar de forma direta.

Deixe seu comentário