Promessa da Chape quer se afirmar na equipe em meio a reconstrução

São Paulo, SP

21-12-2016 17:53:47

A Chapecoense inicia, em 2017, sua reconstrução após a tragédia aérea que matou 19 de seus jogadores, além de membros da diretoria e da comissão técnica na Colômbia. É neste contexto que alguns garotos oriundos da categoria de base tentarão ganhar seu espaço na equipe.

Um deles é o volante Andrei Alba, de 21 anos. O jogador, que estava emprestado ao Concórdia para a disputa da Série B catarinense, retorna à Chape buscando se afirmar no clube em meio à renovação.

“Meu objetivo é trabalhar cada vez mais forte para conquistar um espaço no clube. No segundo semestre acabei emprestado ao Concórdia para a disputa da Série B do estadual. Não conquistamos o acesso por um detalhe, mas tive uma boa sequência de jogos e acabei figurando na seleção da competição”, afirmou Andrei.

Volante Andrei Alba disse ter buscado apoio em familiares após perda de companheiros (Foto: Divulgação/Chapecoense)
Volante Andrei Alba disse ter buscado apoio em familiares após perda de companheiros (Foto: Divulgação/Chapecoense)

O garoto falou também sobre o abalo em perder tantos colegas de equipe na tragédia que abalou o mundo do esporte. Andrei disse ter buscado forças para superar as perdas em sua família.

“É muito difícil até de falar sobre isso. Como todos já falaram, era um grupo muito unido e familiar. Foi como se a gente tivesse realmente perdido pessoas da nossa família. Após o velório fui para a minha cidade ontem busquei forças nos meus familiares. Ainda é uma situação muito difícil para todos nós que fizemos parte desse elenco”, revelou.

A Chape já anunciou as contratações do técnico Vagner Mancini, do zagueiro Douglas Grolli, do volante Moisés e do meia Dodô.

Deixe seu comentário