Arremesso de artefato interrompe treino do Ceará; clube repudia ato

São Paulo, SP

16/08/22 | 18:45

O Ceará vive clima de pressão após os resultados ruins dentro de campo. Um artefato, que seria um rojão, foi arremessado para dentro da sede do clube e interrompeu o treinamento desta terça-feira. A equipe se reapresentava após a derrota no clássico para o Fortaleza, no último domingo.

O Vozão se manifestou em suas redes sociais e repudiou o ato. De acordo com o time, nenhum jogador ou funcionário foi atingido e nenhum dano material foi causado. O clube também trabalha para identificar os culpados.

Sem vencer no returno do Campeonato Brasileiro, o Ceará optou por demitir o técnico Marquinhos Santos e está em busca de nomes no mercado para assumir a time alvinegro. O desligamento ocorreu logo após a derrota para o rival no Clássico-Rei.

A equipe, que também foi eliminada pelo São Paulo nas quartas de final da Sul-Americana, ocupa agora o 14º lugar do Brasileirão, com 25 pontos - apenas dois acima do Z4. Na próxima rodada, o Vozão encara o Red Bull Bragantino, no próximo domingo, às 18 horas (de Brasília), no Estádio Nabi Abi Chedid.


Confira abaixo o comunicado oficial divulgado pelo Ceará sobre o ocorrido:

"O Ceará Sporting Club informa que na tarde desta terça-feira, durante o treino de reapresentação, um artefato caseiro foi arremessado do lado de fora para dentro da sede do clube. Repudiamos o ato criminoso, informamos que ninguém foi atingido e nenhum dano material foi ocasionado. Informamos também que o clube trabalha para descobrir os culpados. O CT de Porangabuçu conta com reforço na segurança e policiamento ostensivo".

Deixe seu comentário