Gazeta Esportiva

Tite afirma que Gabriel Jesus não estava com dores antes da Copa e dispara contra "mentirosos"

São Paulo, SP

04/12/22 | 15:00

O técnico Tite falou neste domingo sobre Gabriel Jesus, que foi cortado da Copa do Mundo de 2022 devido a uma lesão no joelho. O comandante desmentiu a possibilidade do atacante já chegar ao Mundial com dores na região e criticou os "mentirosos" que espalharam essa notícia.

"Em nenhum momento aqui na Seleção pagamos o preço da vitória por saúde dos atletas. Para os mentirosos, vão cuidar de outra coisa e deixa de plantar mentiras. O Arsenal tem um departamento médico e nós também. Nós temos ética. Em relação ao Gabriel, sentimos", disse.


"É legal esclarecer. Tite e Juninho estiveram no Arsenal. Não trocamos saúde por qualquer outro resultado. É difícil as lesões na carreira do atleta, independente do momento, você se sente frágil por não fazer aquilo que ama, ainda mais em uma Copa, que é um sonho. Tivemos com eles presencialmente dando esse apoio. Não sabemos o que vem pela frente, mas eles fazem parte dessa construção", completou o auxiliar técnico Cesar Sampaio.

Além de Gabriel Jesus, Alex Telles também foi cortado do Mundial do Catar. O lateral esquerdo sofreu uma uma ruptura parcial grau II-III do ligamento colateral interno, além de lesão parcial do ligamento cruzado posterior do joelho direito.

Conforme revelou Tite, ambos os jogadores receberam o apoio do restante do grupo, inclusive de César Sampaio.

"Ontem (sábado) estava Neymar, Thiago e Marquinhos conversando com ele e depois com o Telles. O Cesar também foi falar para tentar tirar a dor e se fortalecer e participar conosco o quanto for possível", finalizou o comandante.

Já sem Gabriel Jesus e Alex Telles, a Seleção Brasileira encara a Coreia do Sul nesta segunda-feira, às 16 horas (de Brasília), no Estádio 974, em Doha, no Catar, pelas oitavas de final da Copa do Mundo de 2022.

Deixe seu comentário