Futebol/Bastidores

Com exatos 10 anos de carreira, Danilo diz que Copa do Mundo é obsessão

São Paulo , SP
25/03/2019 19:37:20

Em: Bastidores, Brasil, Futebol, Futebol Internacional, Notícias
Danilo completa 10 anos de carreira nesta segunda (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Na véspera do amistoso da Seleção Brasileira diante da República Tcheca, em Praga, o lateral-direito Danilo completa exatos 10 anos de carreira. Foi no dia 25 de março de 2009 que o jogador do Manchester City deu início à trajetória como atleta profissional. Na ocasião, com a camisa do América-MG, ele entrou na vitória por 2 a 1 sobre o Uberaba, pelo Campeonato Mineiro.

Dois anos depois, em 2011, ao lado de Neymar, Ganso e companhia, Danilo participou da campanha vitoriosa do Santos na Copa Libertadores, com direito a gol na final diante do Peñarol, do Uruguai, no Pacaembu. A partir daí, o jogador, hoje com 27 anos, se aventurou ao futebol europeu. Com passagens por Porto e Real Madrid, antes de chegar à Inglaterra para defender o Manchester City, de Pep Guardiola, o jogador nascido em Bicas, Minas Gerais, soma 19 títulos na carreira.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

“Ainda vivo a ansiedade de menino a cada partida, mas quando paro para pensar, vejo que já foram 10 anos de carreira. Foi tudo maravilhoso, só tenho a agradecer a Deus e a todas as pessoas que me ajudaram em todos esses anos. Eu espero seguir fazendo o que mais gosto na vida, que é jogar futebol, podendo conquistar ainda mais títulos e fazendo história por onde passar. Para mim, eu valorizo a conquista pelo América-MG, com 18 anos, da mesma forma que valorizo a conquista pelo City”, disse.

Na Europa há quase oito anos, Danilo acumula 13 títulos no Velho Continente. O último foi a conquista da Copa da Liga Inglesa diante do Chelsea, há cerca de um mês. Pela Seleção Brasileira, ele tem duas taças com a equipe Sub-20 (o Mundial e o Sul-Americano, em 2011) e, agora, o sonho é festejar com o time principal.

“Meu sonho é poder seguir com o grupo da Seleção para ajudar na conquista dos objetivos. Neste ano, haverá a Copa América em nosso país, sabemos da responsabilidade e também do prazer que será jogar diante da nossa torcida, então esperamos fazer uma grande competição. Um outro sonho para daqui alguns anos é, com certeza, a conquista da Copa do Mundo. É minha obsessão para a carreira”, ressaltou.